Diário Online
Notícias / Notícias Pará
BENEFÍCIO

Antecipação do 13º vai beneficiar mais de 711 mil no Pará

Os valores a serem pagos aos pensionistas e aposentados podem chegar a R$ 895 milhões. Em todo Brasil a antecipação da gratificação será paga aos mais de 31,5 milhões de pessoas

segunda-feira, 21/03/2022, 07:42 - Atualizado em 21/03/2022, 07:51 - Autor: Luiza Mello

Google News

Os pagamentos vão ser feitos nos calendários de abril e maio
Os pagamentos vão ser feitos nos calendários de abril e maio | Divulgação

Aantecipação do 13º salário dos aposentados e pensionistas do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) vai beneficiar mais de 711.228 paraenses inscritos no Regime Geral da Previdência Social. Os valores a serem pagos aos pensionistas e aposentados do Pará podem chegar a R$ 895 milhões. Em todo Brasil a antecipação da gratificação natalina de 2022 será paga aos mais de 31,5 milhões de pessoas, entre aposentados, pensionistas e beneficiários de auxílio-doença, reclusão e salário-maternidade que fazem jus ao abono. A previsão é que sejam injetados cerca de R$ 56 bilhões na economia. A exemplo do que aconteceu em 2020 e 2021, os pagamentos vão ser feitos nos calendários de abril e maio. O abono é pago normalmente entre agosto e dezembro.

No ano passado e em 2020, com a alta dos casos da Covid-19, o governo federal optou por antecipar o 13º salário dos beneficiários do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). Este ano com a alta da inflação, o governo brasileiro busca medidas para conseguir estimular a economia.

A antecipação do décimo terceiro dos aposentados e pensionistas vai ser paga a partir de abril, seguindo o calendário regular dos depósitos do benefício. A primeira parcela será liberada a partir de 25 de abril para quem recebe até um salário mínimo e a partir de 2 de maio, para quem
recebe acima de R$ 1.212.

O mesmo ocorre com a segunda parcela, que será paga a partir de 25 de maio para quem recebe até o piso e a partir de 1º de junho para quem ganha acima do salário mínimo.

BOLETIM

O Boletim Estatístico da Previdência Social relativo ao mês de janeiro de 2022 mostra que no Pará 63,17% dos 711.228 aposentados e pensionistas (mais de 449 mil) estão na área rural e recebem uma aposentadoria média de R$ 999,63 contra R$ 1.702,52 na média do aposentado urbano, que representa quase 262 mil pessoas. Um total de 80.881 requerimentos apresentados por pessoas que residem no Pará e que solicitam o direito ao recebimento de benefícios pela Previdência Social encontravam-se em análise pelo INSS por algum tipo de pendência.

Desse total, 69.378 aguardam por problemas no próprio INSS sendo que 54.422 estão nessa condição há mais de 45 dias. Outros 11.503 requerimentos aguardam soluções do próprio solicitante.

Conteúdo Relacionado

4 Comentário(s)
    Exibir mais comentários
    MAISACESSADAS