Diário Online
Notícias / Notícias Pará
NA ESTRADA COM O DIÁRIO

Bangalôs entre a floresta e a praia atraem em Cotijuba

Ilha permite contato com natureza e a floresta preservada com locais para hospedagem para quem quer um bom descanso

segunda-feira, 06/06/2022, 21:56 - Atualizado em 09/06/2022, 08:00 - Autor: Denilson D´Almeida

Google News

A ilha de Cotijuba permite o contato com a natureza e com uma floresta preservada.
A ilha de Cotijuba permite o contato com a natureza e com uma floresta preservada. | Divulgação

Nem todo hotel de floresta no Pará está diretamente ligado ao campo. Em Belém, mais precisamente na Ilha de Cotijuba, um meio de hospedagem formado por bangalôs tem sido um sucesso - com fila de espera, inclusive, para conseguir uma reserva. O empreendimento fica de frente para a Baía de Marajó, na praia Funda e cercado por áreas de mata ainda preservadas. É um dos poucos na região que aceita animais de estimação (pets). 

O empreendimento Aldeia Cotijuba surgiu por acaso. Um bangalô foi construído para servir de escritório durante os primeiros meses de pandemia de covid-19, já que o trabalho dos proprietários passou a ser feito de forma remota. A edificação em madeira chamou a atenção dos turistas e visitantes. 

De tanta insistência em perguntar se estava disponível por temporada e finais de semana, os proprietários resolveram transformar o escritório em meio de hospedagem e ampliaram o número de chalés. 

A ilha de Cotijuba permite o contato com a natureza e com uma floresta preservada. Por ali, trilhas ecológicas podem ser feitas e através delas se conhecer um cenário que vai muito além das praias. 

A Aldeia não é um ambiente para grande badalação, embora sempre ocorra por ali um luau e uma roda de carimbó. É um ambiente de descanso e interação com a natureza, com a praia e com uma culinária que aposta nos ingredientes, temperos e insumos regionais para ficar ainda mais saborosa. 

As reservas podem ser feitas tanto por telefone, quanto pelo site do empreendimento e ainda por outras plataformas de hospedagem como o Booking e Airbnb. 

ILHA DE COTIJUBA 

Como chegar 

l De barcos que partem do trapiche de Icoaraci 

l A travessia custa R$ 4 no navio da prefeitura e R$ 8 nos barcos da cooperativa 

Onde ficar: 

l Aldeia Cotijuba 

Como reservar: 

l Pelo telefone/Whatsapp 91 98959.2077 

l Pelo site www.aldeiaco tijuba.com.br e plataformas Airbnb e Booking 

Tipo de hospedaria 

l Bangalôs, quartos e suítes 

Valores: a partir de R$ 158 (casal).

PARA MAIS DICAS ACOMPANHE O SUPLEMENTO NA ESTRADA AOS DOMINGOS NO DIÁRIO DO PARÁ

 

|
 
Conteúdo Relacionado

4 Comentário(s)
    Exibir mais comentários
    MAISACESSADAS