Diário Online
Notícias / Notícias Pará
VEJA O VÍDEO

Salinas: mulher oferece dinheiro e sexo para não ser multada

Toda a tentativa de suborno foi filmada pela câmera corporal acoplada ao uniforme do agente do Detran

domingo, 31/07/2022, 21:29 - Atualizado em 31/07/2022, 21:28 - Autor: Com informações do Detran PA

Google News

Mulher tenta subornar agentes do Detran, mas mal sabia que estava sendo filmada
Mulher tenta subornar agentes do Detran, mas mal sabia que estava sendo filmada | Reprodução

Agentes de fiscalização do Departamento de Trânsito do Estado (Detran) vivenciaram uma situação inusitada durante a operação de rotina na Rodovia PA-444, em Salinópolis, no nordeste paraense. Uma mulher, parada pelos agentes durante a Operação Lei Seca, tentou subornar a equipe oferecendo vantagens financeiras e sexuais para que o amigo, que mesmo alcoolizado conduzia o veículo, fosse livrado da autuação.

O episódio ocorreu por volta de 3 h da madrugada deste domingo (31), na blitz de retorno da Praia do Atalaia. Segundo o agente do Detran, o casal foi parado e, ao realizar o teste do etilômetro, foi constatado o estado de embriaguez. Além de multa, o condutor recebeu voz de prisão em flagrante por dirigir embriagado, conforme determina o Código de Trânsito Brasileiro.

Imediatamente, a mulher, que seguia no banco do carona, ofereceu dinheiro ao agente. Sem responder às ofertas da mulher, o agente passou o caso para o colega de equipe, para que conduzisse o casal até as autoridades policiais que participaram da operação na rodovia. "Nesse momento, a mulher continuou oferendo vantagens indevidas, dizendo que trabalhava numa boate e se ofereceu para fazer um programa sexual em troca da liberação do amigo", relatou o agente à Polícia Civil.

De acordo com o Boletim de Ocorrência registrado pelo agente, a mulher ofereceu serviços sexuais para liberar o carro e motorista alcoolizado. Mas ela não sabia que toda a ação estava sendo filmada pelas câmeras corporais dos uniformes. O equipamento acoplado aos uniformes dos agentes do Detran e do Batalhão de Polícia Rodoviária Estadual (BPRv)é mais uma ferramenta essencial na Operação Verão, realizada durante todo o mês de julho.

VEJA O VÍDEO:

  


PIONEIRISMO

No Pará, Detran e BPRv são pioneiros no uso da tecnologia. As câmeras gravam todo o turno do agente e suas abordagens em alta definição, com sistema de geolocalização e visão noturna, além da gravação de áudio. Todo o material fica armazenado no sistema de segurança e não pode ser editado. “As imagens podem ser periciadas e utilizadas de forma legal, tanto para resguardar o trabalho do agente de trânsito quanto para a segurança da população, potencializando a confiança no trabalho do órgão”, informa Renata Coelho, diretora-geral do Detran.

Das 390 câmeras adquiridas, 350 foram destinadas aos agentes do Detran e 40 aos militares da Polícia Rodoviária. Os órgãos atuam no combate às infrações e pela segurança do trânsito nas rodovias estaduais. As câmeras tornam a fiscalização mais transparente, permitindo mais segurança a todas as pessoas que transitam nas vias públicas.

Recentemente, um condutor dirigindo sob o efeito de bebida alcóolica foi preso durante fiscalização ao tentar subornar um agente do Detran. A ação estava sendo filmada pelas câmeras do uniforme do agente e as imagens foram entregues às autoridades policiais.

Inicialmente, os uniformes com o equipamento são utilizados pelos agentes que atuam em Salinópolis, município da região Nordeste; na Rodovia BR-316 e na PA-391, em Santa Bárbara do Pará, na Região Metropolitana de Belém, onde o fluxo de veículos é mais intenso no mês de julho por estar na rota de acesso à Ilha de Mosqueiro, um dos locais mais procurados por veranistas.

Conteúdo Relacionado

4 Comentário(s)
    Exibir mais comentários
    MAISACESSADAS