plus
plus

Edição do dia

Leia a edição completa grátis
Edição do Dia
Previsão do Tempo 30°
cotação atual R$


home
EDUCAÇÃO E SUSTENTABILIDADE

Helder Barbalho anuncia curso de idiomas para a rede pública

Professores e estudantes da rede pública serão contemplados com os cursos de idiomas oferecidos pelo Centro de Estudo de Línguas para espanhol, inglês, francês, italiano, Língua Brasileira de Sinais, além de português para estudantes estrangeiros da rede estadual ou da rede municipal conveniada

twitter Google News
Imagem ilustrativa da notícia Helder Barbalho anuncia curso de idiomas para a rede pública camera O governador Helder Barbalho e a vice Hana Ghassan durante assinatura do documento que autoriza a criação do Centro de Idiomas | Ricardo Amanajás/Diário do Pará

A Secretaria de Estado de Educação (Seduc) promoveu ontem um encontro com mais de 3 mil colaboradores da educação pública paraense em um espaço de eventos localizado no bairro do Parque Verde, em Belém. Um dos principais objetivos da reunião foi apresentar uma retrospectiva das atividades realizadas em 2023 e antecipar desafios para o próximo ano.

“Este é um momento importante de encerramento de um ano letivo, de fazer um balanço do avanço da educação pública e apontar muitos avanços. De concretizar a estratégia da rede física do Estado, com mais investimento, valorização dos nossos servidores, construção de um ambiente pedagógico cada vez mais motivador para evitar a evasão escolar”, disse o governador do Pará, Helder Barbalho (MDB).

Conteúdos relacionados:

Ao lado da vice-governadora Hana Ghassan, Helder participou ainda da assinatura do documento que autoriza a criação do Centro de Estudo de Línguas da Seduc (CEL), destinado a oferecer cursos de idiomas para servidores e estudantes da rede pública em preparação a 30ª Conferência das Nações Unidas sobre Mudanças Climáticas (COP 30), que ocorrerá na capital paraense em novembro de 2025.

O governador enfatizou a importância da educação ambiental e formação bilíngue afirmando: “A ideia é qualificar esses alunos e professores para as grandes e novas lideranças, quando estaremos recebendo o mundo, e claro, exigindo que aqueles que estarão participando possam ter o domínio de uma segunda língua como estratégia receptiva ao nosso Estado”, completou.

De acordo com informações da Seduc, o CEL oferecerá aos estudantes e profissionais da educação estadual a oportunidade de aprender um segundo idioma, incluindo inicialmente espanhol, inglês, francês, italiano, Libras (Língua Brasileira de Sinais) e português (para os estudantes estrangeiros da rede estadual de ensino ou da rede municipal conveniada).

Internet

Outro anúncio feito na noite foi a assinatura do Termo de Cooperação Técnica com a ONG MegaEdu, visando proporcionar internet de qualidade às escolas estaduais, especialmente aquelas localizadas em áreas ribeirinhas e rurais no Pará. A entidade, sem fins lucrativos, participará do diagnóstico da conexão nas escolas e apoiará a execução do plano de conectividade nas unidades.

Vale ressaltar que a ação soma-se ao Projeto WebEscola, da Empresa de Tecnologia da Informação e Comunicação do Pará (Prodepa), em parceria com a Secretaria de Educação, cujo objetivo é conectar com rede Wi-Fi e a cabo mais de mil escolas da rede pública até o final de 2024. A iniciativa em questão já beneficiou mais de 100 escolas do Estado.

O secretário da Seduc, Rossieli Soares, atribuiu os resultados positivos ao comprometimento do Governo do Estado com a educação. “São ações que já vêm acontecendo. Tivemos ainda reajuste para os professores, aprovação do Plano de Cargos, Carreira e Remuneração, criamos o Programa ‘Alfabetiza Pará’ e o ‘Dinheiro na Escola Paraense’, e mais”, contou.

“Aumentamos o valor de transporte e merenda, fizemos, em anos, a aquisição de materiais para os alunos, e investimos no reforço escolar. Avançamos nas áreas de formação, infraestrutura, construção de creches. Foi um ano de muitas atividades, com o olhar para a aprendizagem. Temos muito trabalho pela frente em 2024”, ressaltou Rossieli.

Hana Ghassan enfatizou o compromisso contínuo do Governo com a educação pública. “O governador Helder Barbalho determinou que neste segundo mandato a prioridade fosse a educação. Todos os esforços estão concentrados para que possamos garantir recursos e novos projetos para reformas de escolas, construção de creches, melhoria do salário de professores e incentivos aos alunos”, pontuou.

Planejamento

Durante o encontro, o secretário fez a entrega simbólica do Planejamento Estratégico ao governador Helder Barbalho, um documento elaborado em julho deste ano em parceria com a Fundação Getúlio Vargas (FGV) e a empresa Vale. Esta é a primeira vez que a Seduc desenvolve esse tipo de documento, buscando políticas educacionais democráticas e assertivas.

Cores do Futuro

Por fim, a noite ainda contemplou a entrega de certificados a cinco alunos da rede estadual, cujos desenhos foram selecionados para estampar as próximas capas de materiais pedagógicos da Seduc, do Programa “Alfabetiza Pará” e do componente curricular “Política de Educação para o Meio Ambiente Sustentabilidade e Clima”.

VEM SEGUIR OS CANAIS DO DOL!

Seja sempre o primeiro a ficar bem informado, entre no nosso canal de notícias no WhatsApp e Telegram. Para mais informações sobre os canais do WhatsApp e seguir outros canais do DOL. Acesse: dol.com.br/n/828815.

tags

Quer receber mais notícias como essa?

Cadastre seu email e comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Conteúdo Relacionado

0 Comentário(s)

plus

    Mais em Notícias Pará

    Leia mais notícias de Notícias Pará. Clique aqui!

    Últimas Notícias