plus

Edição do dia

Leia a edição completa grátis
Previsão do Tempo 30°
cotação atual R$


home
CONCURSO NACIONAL UNIFICADO

"Enem dos Concursos" tem 118 mil inscritos apenas no Pará

Em todo o país, cerca de 2,14 milhões de pessoas pagaram a taxa de inscrição e confirmaram participação no certame que vai preencher 6,6 mil oportunidades distribuídas em 21 órgãos públicos federais.

Imagem ilustrativa da notícia "Enem dos Concursos" tem 118 mil inscritos apenas no Pará camera No Estado do Pará, provas serão realizadas em 17 municípios. | Pedro Guerreiro/Agência Pará

O Ministério da Gestão e da Inovação em Serviços Públicos informou na sexta-feira (23) que mais de 2,14 milhões de pessoas pagaram a taxa de inscrição para o Concurso Público Nacional Unificado (CPNU), ou seja, estão aptos a concorrer a uma das 6.640 vagas, divididas disponíveis em 21 órgãos públicos participantes.

Deste total, 118.878 são candidatos que se inscreveram no Pará, 57.315 em Belém. Há vagas de níveis médio e superior para diversas áreas de atuação. Dos 5.570 municípios brasileiros, em 5.555 foram registradas inscrições no processo seletivo.

CONTEÚDO RELACIONADO:

As provas objetivas e discursivas serão aplicadas no dia 5 de maio em 220 cidades de todas as unidades da Federação. No Pará serão realizadas em 17 cidades: Altamira, Ananindeua, Belém, Bragança, Breves, Cametá, Itaituba, Marabá, Monte Alegre, Oriximiná, Paragominas, Parauapebas, Redenção, Santana do Araguaia, Santarém, São Félix do Xingu e Tucuruí.

Os candidatos aprovados no Concurso Público Nacional Unificado (CPNU) serão nomeados na data provável de 5 de agosto, segundo o cronograma divulgado pelo Ministério da Gestão e da Inovação em Serviços Públicos.

Quer mais notícias do Pará? Acesse nosso canal no WhatsApp!

A partir de 25 de abril, serão divulgados os cartões de confirmação dos participantes. Já a divulgação preliminar dos gabaritos das provas objetivas está marcada para 7 de maio. 7 de maio. A divulgação das notas finais está prevista para o dia 21 de junho.

De acordo com o ministério, 76,2% dos inscritos pagaram a taxa – de R$ 60 ou R$ 90, percentual acima da média histórica de concursos públicos (60%), totalizando arrecadação de R$ 126 milhões. De acordo com o governo, o valor é suficiente para arcar com os custos do processo seletivo. Segundo os dados, 19% dos inscritos não fizeram o pagamento da taxa.

A maior parte dos candidatos (20,5%) informou ter renda entre R$ 2.825 e R$ 4.236. Apenas 6,3% disseram ter remuneração superior a R$ 14.120.

Do total de candidatos, 420.793 vão disputar uma vaga dentro da cota para negros; 45.564, para pessoas com deficiência e 10.444, para indígenas. E 54.219 inscritos solicitaram atendimento especial, como lactantes.

O Bloco 8, de nível médio, recebeu o maior número de inscrições: 701.029. Em seguida, aparece o Bloco 7, de nível superior e com cargos relacionados à gestão governamental e administração pública, que teve 429.370 inscritos.

Os cargos com mais candidatos inscritos são de nível médio: técnico em indigenismo, da Fundação Nacional dos Povos Indígenas (nível médio), com 323.250 candidatos; e técnico em informações geográficas e estatísticas para a região Nordeste, do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (316.543).

No nível superior, o cargo com mais inscrições é para auditor fiscal do trabalho do Ministério do Trabalho (315.899), com oferta de 900 vagas.

CIDADES COM MAIOR NÚMERO DE INSCRITOS

As capitais lideram a lista das cidades com o maior número de candidatos: Brasília, Rio de Janeiro, São Paulo, Salvador e Belo Horizonte. Fora das capitais, a cidade com mais inscritos é Feira de Santana, na Bahia. As informações foram divulgadas pela ministra da Gestão, Esther Dweck, durante uma coletiva de imprensa. No momento, também foi divulgado o quantitativo total de inscritos no CPNU, de 2,1 milhões. Desse quantitativo, 1,2 milhão foram mulheres, contra cerca de 900 mil homens.

Outro dado divulgado é de que o Distrito Federal se destacou como a unidade da Federação com a maior taxa de participação. Com 9,04% da população acima de 18 anos inscrita, o DF ficou bem à frente de outras UFs, como Amapá (4,06%) e Roraima (3,76%) - primeiro e segundo lugares, respectivamente.

VEM SEGUIR OS CANAIS DO DOL!

Seja sempre o primeiro a ficar bem informado, entre no nosso canal de notícias no WhatsApp e Telegram. Para mais informações sobre os canais do WhatsApp e seguir outros canais do DOL. Acesse: dol.com.br/n/828815.

tags

Quer receber mais notícias como essa?

Cadastre seu email e comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Conteúdo Relacionado

0 Comentário(s)

plus

Mais em Notícias Pará

Leia mais notícias de Notícias Pará. Clique aqui!

Últimas Notícias