plus

Edição do dia

Leia a edição completa grátis
Previsão do Tempo 26°
cotação atual R$


home
CAPACITA COP 30

Estado leva qualificação técnica e profissional a paraenses

Serão 12 mil vagas ofertadas em 4 polos de atuação: Região Metropolitana de Belém, Salinópolis, arquipélago do Marajó e Santarém

Imagem ilustrativa da notícia Estado leva qualificação técnica e profissional a paraenses camera O lançamento do programa é coordenado pela Secretaria de Ciência, Tecnologia e Educação Superior, Profissional e Tecnológica (SECTET). | (Foto: Marco Santos/Ag. Pará)

Com o objetivo de melhorar a qualificação técnica e profissional de diversas pessoas residentes na Região Metropolitana de Belém e no interior do estado, tendo em vista a aproximação do maior evento de impacto ambiental já sediado na capital paraense, a COP 30 (Conferência das Nações Unidas sobre Mudanças Climáticas), o Governo do Estado lançou nesta terça-feira, 2, o programa "Capacita Cop 30".

Coordenado pela Secretaria de Ciência, Tecnologia e Educação Superior, Profissional e Tecnológica (SECTET) o programa é direcionado à qualificação técnica e profissional, além de fomentar a economia com medidas e estratégias de formas que irão impulsionar a geração de emprego, aumentando a produção e fortalecimento nos setores-chave da economia local.

O Governador do estado, Helder Barbalho ressaltou a importância de qualificar os paraenses para dar aos mesmos a oportunidade de emprego e renda.
📷 O Governador do estado, Helder Barbalho ressaltou a importância de qualificar os paraenses para dar aos mesmos a oportunidade de emprego e renda. |(Foto: Bruno Cruz/Ag. Pará)

O evento de assinatura do lançamento do Capacita foi conduzido pelo governador do Pará, Helder Barbalho, que ressaltou a importância de deixar legados para Estado.

"O objetivo é capacitar e qualificar de forma gratuita, todos que, de maneira direta ou indireta, terão a oportunidade de trabalhar com a agenda de turismo, agenda de serviços para a COP 30, mas também, para deixar um legado pré-cop e pós-cop, para que nós possamos fazer com que as pessoas se qualifiquem, e a partir desta qualificação, melhore o seu currículo, melhore a oportunidade de renda, oportunidade de emprego e façamos com que esses 67 cursos para 12 mil pessoas possam melhorar a qualidade e no nível dos serviços que nós ofertamos hoje, seja na nossa capital, seja no polo Santarém, no polo Salinas, como também no polo Marajó, e com isto nós possamos fazer com que a estratégia do turismo ecológico, do turismo da natureza, possa incrementar uma nova vocação ao Estado, gerando oportunidade de emprego e renda para a nossa população", disse o governador.

A apresentação do programa foi feita pelo titular da SECTET, Victor Dias, que falou sobre o funcionamento, vagas, oferta de cursos, inscrições e, principalmente, a oportunidade de forma gratuita para quem buscar se capacitar para ingressar no mercado de trabalho.

O titular da SECTET Vitor Dias, destacou o funcionamento das vagas, oferta de cursos e  inscrições para quem busca se capacitar.
📷 O titular da SECTET Vitor Dias, destacou o funcionamento das vagas, oferta de cursos e inscrições para quem busca se capacitar. |(Foto: Marco Santos/Ag. Pará)

"Nos foi dada a missão de capacitar os nossos profissionais a receberem os nossos visitantes. Este projeto foi desenvolvido para ser integrador destas ofertas para aperfeiçoar e qualificar profissionalmente, cada vez mais, os nossos prestadores de serviços, sejam profissionais, sejam para aqueles que iniciantes que queiram ingressar para essas oportunidades que vão surgir", pontuou o secretário.

Ao todo, serão oferecidas 12 mil vagas de maneira presencial e on-line em 67 cursos dos diversos eixos temáticos, como turismo, produção alimentícia, infraestrutura e segurança com quatro polos de atuação, sendo Região Metropolitana de Belém, Santarém e arquipélago do Marajó e Salinópolis.

Conteúdos relacionados

Cada pessoa, a partir dos 17 anos, pode se inscrever em qualquer curso e, apenas após a conclusão, poderá se inscrever em outros. Ao final do curso, os alunos vão receber uma certificação exclusiva ao projeto, com um "Selo COP 30", certificando a comprovação formal do conhecimento adquirido através do programa.

A iniciativa tem a parceria da Secretaria de Estado de Turismo (Setur), Universidade do Estado do Pará (Uepa) e mais de 20 parceiros, dentre eles o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai), Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) e Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac).

Para a vice-governadora do Pará, Hana Ghassan, o lançamento do programa é mais um passo para a realização da Cop 30 no Estado.
📷 Para a vice-governadora do Pará, Hana Ghassan, o lançamento do programa é mais um passo para a realização da Cop 30 no Estado. |(Foto: Marco Santos/Ag. Pará)

Para a vice-governadora do Pará, Hana Ghassan, o lançamento do programa é mais um passo para a realização da COP.

Quer mais notícias sobre o Pará? Acesse nosso canal no WhatsApp

"Esse dia marca um grande rumo à COP 30 e ressalto a importância da parceria com várias instituições. Trabalhar desde já na formação da mão de obra é a garantia que chegaremos em 2025 preparados para receber nossos representantes de todo o mundo. Um programa bom para o trabalho e empregador", enfatizou a vice-governadora.

Serviço:

As inscrições já estão abertas e podem ser feitas pelo capacitacop30.pa.gov.br ou através do portal da SECTET, no endereço: www.sectet.pa.gov.br

Estado leva qualificação técnica e profissional a paraenses
📷 |
VEM SEGUIR OS CANAIS DO DOL!

Seja sempre o primeiro a ficar bem informado, entre no nosso canal de notícias no WhatsApp e Telegram. Para mais informações sobre os canais do WhatsApp e seguir outros canais do DOL. Acesse: dol.com.br/n/828815.

tags

Quer receber mais notícias como essa?

Cadastre seu email e comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Conteúdo Relacionado

0 Comentário(s)

plus

Mais em Notícias Pará

Leia mais notícias de Notícias Pará. Clique aqui!

Últimas Notícias