Diário Online
Notícias / Notícias Pará
Notícias Pará

Instituto de Portugal quer parceria com UFPA

quinta-feira, 08/03/2012, 13:13 - Atualizado em 08/03/2012, 13:14 - Autor:

Google News

Interessado em estabelecer convênio de cooperação técnica nas áreas de Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC), Desenvolvimento Sustentável e Energia, o diretor Vladimiro Miranda, do Instituto de Engenharia de Sistemas e Computadores do Porto (Portugal) - INESC Porto, reuniu-se na tarde de quarta-feira (7) com o diretor-presidente do Parque de Ciência e Tecnologia Guamá (PCT Guamá), Antônio Abelém, representantes de institutos da UFPA e  de laboratórios implantados e em fase de instalação no Parque.


O Inesc Porto é uma associação privada sem fins lucrativos, reconhecida como instituição de utilidade pública, que visa a investigação científica e o desenvolvimento tecnológico, a consultoria e formação avançada, a transferência de tecnologia e o lançamento de novas empresas de base tecnológica. Foi criada para constituir uma interface entre o mundo acadêmico e o empresarial da indústria e dos serviços, bem como a administração pública no âmbito das tecnologias de informação, telecomunicações e eletrônica.


“Viemos para sinalizar o interesse em formalizar a relação institucional com a UFPA, que já existe há anos, e, agora com o parque tecnológico, pois nos interessa muito desenvolver trabalhos de pesquisa e desenvolvimento em parceria com laboratórios, como o Lasse (Laboratório de Sistemas Embarcados) e o Ceamazon (Centro de Excelência e Eficiência Energética da Amazônia), e com empresas locais instaladas no Parque”, comentou Vladimiro.


Estratégico - O representante do INESC Porto mencionou a posição estratégica do PCT Guamá, localizado entre duas grandes universidades da região (UFPA e Universidade Federal Rural da Amazônia-UFRA), que proporciona a sinergia com pesquisadores, visando o desenvolvimento científico e a transferência de tecnologia, o que é favorável para o processo de incubação de empresas de base tecnológica. “Por meio de uma parceria, podemos diversificar a produção científica tecnológica e aplicar o conhecimento em empresas da região, pois temos a preocupação de também gerar um impacto econômico positivo local”, assinalou.


O diretor-presidente do PCT Guamá, Antônio Abelém, comentou que é mútuo o interesse em estabelecer um convênio com o INESC Porto pelas afinidades com as áreas de atuação entre o Parque e esta instituição portuguesa. “Assim como o INESC Porto pauta suas ações por critérios de inovação, o PCT Guamá visa o desenvolvimento de empreendimentos inovadores de base tecnológica em áreas foco semelhantes às do INESC”, mencionou. 


Também participaram da reunião os professores Ubiratan Bezerra, representando o Ceamazon e a Universitec (agência de inovação da UFPA); Aldebaro Klautau, representando o Lasse; Carlos Renato Liboa Francês, Roberto Limão e Evaldo Gonçalves Pelaes, representando o Instituto de Tecnologia (ITEC). Depois, o grupo participou de um encontro com o reitor da UFPA, Carlos Maneschy, para definir a melhor forma de oficializar a parceria com a universidade e o PCT Guamá.


O PCT Guamá tem gestão da Fundação Guamá, que é fruto de uma parceria entre a UFPA, UFRA com o Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti). Também conta com aporte financeiro da Financiadora de Estudos e Projetos (FINEP) e Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).  Também tem apoio da Embrapa Amazônia Oriental, do Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas do Pará (Sebrae-PA), da Universidade Estadual do Pará  (Uepa), do Museu Paraense Emílio Goeldi. (Ascom/PCTG)

Conteúdo Relacionado

4 Comentário(s)
    Exibir mais comentários
    MAISACESSADAS