Diário Online
Notícias / Notícias Pará
Notícias Pará

Nova denúncia complica situação de desmatador

sexta-feira, 20/03/2015, 16:50 - Atualizado em 20/03/2015, 16:55 - Autor:


Além de negar o pedido de liberdade para Ezequiel Antônio Castanha, Giovany Marcelino Pascoal e Edivaldo Dalla Riva, o juiz federal Ilan Presser, da Vara Única da Justiça Federal em Itaituba, na região sudoeste paraense, recebeu nova denúncia do Ministério Público Federal (MPF), nesta sexta-feira (20).


Segundo o MPF, Ezequiel Castanha e sua esposa, Vanderléia de Oliveira, são acusados por suposta prática do crime de contrabando de caixas de cigarro. 


O motivo foi a apreensão de 795 pacotes de cigarros de origem estrangeira, desprovidos de documentação fiscal, quando do cumprimento dos mandados judiciais de busca e apreensão no âmbito da Operação Castanheira.


QUADRILHA


A Polícia Federal, o Ministério Público Federal e o Ibama apontaram Castanha e Pascoal como os comandantes de uma quadrilha que teria desmatado 15.000 hectares de florestas na região sudoeste paraense ao longo dos últimos 10 anos.


O trio foi preso durante a Operação Castanheira, deflagrada em fevereiro passado.


(DOL com informações do MPF)

Conteúdo Relacionado

4 Comentário(s)
    Exibir mais comentários
    MAISACESSADAS