plus
plus

Edição do dia

Leia a edição completa grátis
Edição do Dia
Previsão do Tempo 27°
cotação atual R$


home
NOTÍCIAS PARÁ

Gás de cozinha está mais barato no Pará e em todo o Brasil

O gás de cozinha está mais barato a partir desta quinta-feira (5) no Pará e em todo o Brasil, segundo o Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos no Pará (Dieese/PA). A redução de 4,40% na refinaria no preço do botijão de gás de

twitter Google News

O gás de cozinha está mais barato a partir desta quinta-feira (5) no Pará e em todo o Brasil, segundo o Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos no Pará (Dieese/PA).

A redução de 4,40% na refinaria no preço do botijão de gás de cozinha de 13 kg foi anunciada na tarde da última quarta-feira (4) pela Petrobrás.

Um estudo do Dieese/PA com base nos dados da Agência Nacional do Petróleo apontou que em Belém, até o final da semana passada, o botijão de gás de 13 kg estava sendo comercializado em média a R$ 64,43, com preços variando entre R$ 60 a R$ 75.

O município de Xinguara, no sudeste paraense, era o que comercializava o botijão de gás mais caro, custando R$ 89,33; seguido de Redenção com R$ 88; Paragominas, com preço médio de R$ 86,67; Parauapebas com R$ 86,67; Itaituba com R$ 84,20 e Altamira com preço médio de R$ 83,50.

Em termos de consumo, até a semana passada, quem ganhava um salário mínimo na capital paraense gastava em média cerca de R$ 64,43 no consumo mês de um botijão de gás tinha um impacto de 6,75% por mês, segundo o Dieese/PA.

“Se esta redução anunciada pela Petrobrás chegar de fato ao consumidor final paraense, a tendência é de uma pequena diminuição neste impacto mês. Lembrando que a última alteração feita pela Petrobrás em janeiro deste ano, com anúncio de queda de 5,00% na refinaria, a mesma não chegou ao consumidor final, pelo menos no Pará. Vamos esperar que agora esta nova redução de fato chegue ao consumidor final”, ressalta o economista e supervisor técnico do Dieese/PA, Roberto Sena.

E você, consumidor, já sentiu o impacto da redução?

(DOL)

VEM SEGUIR OS CANAIS DO DOL!

Seja sempre o primeiro a ficar bem informado, entre no nosso canal de notícias no WhatsApp e Telegram. Para mais informações sobre os canais do WhatsApp e seguir outros canais do DOL. Acesse: dol.com.br/n/828815.

Quer receber mais notícias como essa?

Cadastre seu email e comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Conteúdo Relacionado

0 Comentário(s)

plus

    Mais em Notícias Pará

    Leia mais notícias de Notícias Pará. Clique aqui!

    Últimas Notícias