Diário Online
Notícias / Notícias Pará
Notícias Pará

Ação incentiva uso de bicicleta como transporte

segunda-feira, 17/09/2018, 08:07 - Atualizado em 17/09/2018, 08:12 - Autor:


Na manhã de ontem (16), a Escola Bike Anjo ministrou aulas para crianças, jovens, adultos e idosos que ainda não sabiam pedalar sobre duas rodas. Mas, o que parecia ser apenas uma atividade recreativa, era um movimento para lembrar-se da Semana da Mobilidade de 2018, que iniciou no dia 16 e segue até o dia 22 de setembro, data celebrada no mundo como o Dia Sem Carro.


O canteiro central da avenida Romulo Maiorana, no bairro do Marco, se tornou uma pista de treino e um espaço para discutir as possibilidades de andar de duas rodas nas grandes cidades. O objetivo da programação foi mostrar à sociedade uma forma diferente de se locomover, fora de um carro. Este ano, os eventos da Semana de Mobilidade são organizados pelo Coletivo Pará Ciclo, com parceria da Rede Bike Anjo Belém, Bicicleta nos Planos e Laboratório da Cidade.


A publicitária Laura Quaresma, de 22, é ciclista há 5 anos, e integrante da Rede Bike Anjos Belém. Ela acredita que o movimento, além de colocar o uso do transporte limpo na cidade, também serve como uma forma de se confraternizar. “Ainda temos muitos desafios: falta de ciclovia, conscientização no trânsito, mas é através das informações que incentivamos as pessoas a aprenderem a se deslocar com as bicicletas”, explica.


Aos 35 anos, e depois de uma queda, a professora Maria Julia desistiu de andar de bicicleta. Incentivada pela filha, aos 50 anos, ontem, ela fez mais uma tentativa. “Estou aprendendo com quem sabe explicar. Fico mais segura”, conta. A sua instrutora é a Luzia Pastana, 64, que faz da bicicleta seu principal meio de locomoção. “É uma sensação de liberdade, mas a cidade precisa de mais infraestrutura”, observa.


Com receio de desequilibrar e cair, ao lado da mãe, Atila Magalhaes, de 9 anos, aprendeu a dar as primeiras pedaladas sem auxilio das rodinhas. “Andar de bicicleta dá medo, mas vou tentar até conseguir”, acredita. Para Viviane Magalhaes, de 36 anos, ver o filho fazendo a atividade é uma satisfação. “Devemos incentivar a sociedade todas as formas de locomoção”, diz.


A Semana da Mobilidade é realizada nacionalmente e começou na França, com o Dia Mundial Sem Carro. Em Belém, as ações contam com apoio em projeto selecionado para desenvolver pesquisas sobre mobilidade, bem como atividades voltadas ao incentivo do uso dos modais ativosna cidade.



(Roberta Paraense/Diário do Pará)

Conteúdo Relacionado

4 Comentário(s)
    Exibir mais comentários
    MAISACESSADAS