Diário Online
Notícias / Polícia
ANANINDEUA

Suspeito de matar bombeiro é executado pelos parceiros

Aos 24 anos, Abner Malato era filho de um casal de evangélicos, mas desde cedo optou pelo caminho errado

quarta-feira, 21/07/2021, 21:54 - Atualizado em 21/07/2021, 23:33 - Autor: J.R Avelar/Diário do Pará


Um desentendimento com os comparsas teria motivado a execução de Abner
Um desentendimento com os comparsas teria motivado a execução de Abner | Reprodução

Policiais civis da Divisão de Homicídios estiveram novamente em uma área próxima do condomínio Maguariaçu, em Ananindeua, na Grande Belém, na noite do último sábado (17), para levantar mais um homicídio que teve como vítima um rapaz identificado como Abner Malato Trindade, 24.

Corpo de bombeiro desaparecido é achado em Ananindeua

Vídeo: veja imagens do cemitério clandestino em Ananindeua

O local é o mesmo onde criminosos torturaram e executaram o bombeiro militar Allan Tadeu Neco e outra vítima, há dois meses, enterrando o corpo nesta área que servia como cemitério clandestino para uma facção criminosa que atua no Maguariaçu.

O rapaz morto figurava na condição de suspeito pela polícia e apontado por moradores como um dos torturadores e executores tanto do bombeiro militar Allan Tadeu Neco como de Romulo e que se escondia em uma área de invasão no Maguariaçu.

O bandido foi assassinado a tiros na noite do último sábado (17). De acordo com os levantamentos na área do crime, os autores do homicídio foram os próprios comparsas de crime de Abner Malato Trindade, que não foram identificados.

RELATOS

Moradores muito reservadamente disseram que ouviram alguns disparos de arma de fogo, dos quais cinco acertaram regiões vitais do rapaz, que morreu ao dar entrada em um hospital.

Considerado de grande periculosidade, apesar da pouca idade, Abner Malato Trindade seria filho de um casal de evangélicos, mas desde cedo entrou para o mundo criminoso, chegando ao ponto de ter agredido a própria mãe.

No sábado (17), ele estaria reunido com os comparsas quando durante um desentendimento acabou executado com cinco tiros. 

Conteúdo Relacionado

4 Comentário(s)
    Exibir mais comentários
    MAISACESSADAS