Diário Online
Edição do dia
Edição do dia
Leia a edição completa grátis
Previsão do Tempo
32°
cotação atual R$
VIOLÊNCIA

Advogado mata a mãe e fere irmã em área nobre de Belém

De acordo com Polícia Civil, o suspeito teria tido um surto psicótico.

terça-feira, 18/01/2022, 10:23 - Atualizado em 18/01/2022, 12:38 - Autor: Sávia Moura com informações de Sancha Luna/RBATV

Google News

O advogado foi preso em flagrante e apresentado na Divisão de Homicídios da Polícia Civil.
O advogado foi preso em flagrante e apresentado na Divisão de Homicídios da Polícia Civil. | Reprodução/Google Street View

A manhã desta terça-feira (18), foi de movimentação policial nos corredores do edifício Villa Dei Fiore, localizado na travessa Dr. Moraes, no bairro Batista Campos, em Belém.

Um homem matou a própria mãe e feriu a irmã. O suspeito foi identificado como Leonardo Felipe Giuni Bahia, que é advogado. De acordo com a Polícia Civil, após matar a mãe a golpes de faca, Leonardo teria ligado para a polícia e se entregado. Ele foi detido no apartamento onde o crime aconteceu.

Leia também:

Polícia localiza balsa suspeita de derrubar pilar

Homem é assassinado a tiros quando retornava de delegacia

A Polícia Científica foi acionada para analisar o local do crime, que teria ocorrido antes das 6h da manhã. A vítima,  identificada como Arlene Giuvin da Silva, foi morta após uma discussão com o filho.

Ainda segundo informações, Leonardo teria tentando estrangular a irmã e exigido que ela fosse embora do apartamento, caso contrário, também seria morta. A irmã foi ferida com golpes de faca na perna e na mão.

Leonardo Giugni foi preso pela Polícia Militar por volta das 6h da manhã. Ainda segundo a polícia, ele pode ter tido um surto psicótico. O advogado foi preso em flagrante e apresentado na Divisão de Homicídios da Polícia Civil. Ele aguarda a chegada de um advogado para prestar depoimento às autoridades.

Em nota, a Polícia Civil informou que: "o indiciado está sendo ouvido e será encaminhado ao sistema penitenciário. Um Inquérito Policial foi instaurado e todos os procedimentos cabíveis estão sendo adotados pela Divisão de Homicídios".


Conteúdo Relacionado

0 Comentário(s)
MAISACESSADAS