DOL Carajás
Edição do dia
Edição do dia
Leia a edição completa grátis
Previsão do Tempo
25°
cotação atual R$
MISTÉRIO

Homem é assassinado a tiros quando retornava de delegacia 

Vítima foi executada por dois homens que estavam em uma motocicleta. O crime ocorreu na frente da esposa dele

terça-feira, 18/01/2022, 09:17 - Atualizado em 18/01/2022, 16:50 - Autor: Alessandra Gonçalves

Google News

José Orlando foi assassinado com vários tiros
José Orlando foi assassinado com vários tiros | James Oliveira / RBATV

Um homem foi assassinado a tiros na tarde desta segunda-feira (17), em Marabá, sudeste do Estado. Ele retornava da Delegacia de Polícia Civil, quando foi executado a tiros na frente da esposa.  

A vítima foi identificada como José Orlando Pereira da Silva, 40 anos, que residia na Vila Santa Fé, zona rural do município.   

 

José Orlando foi assassinado com vários tiros
José Orlando foi assassinado com vários tiros | James Oliveira / RBATV
  

A esposa da vítima, Santana Pereira da Silva, contou que acompanhava o marido no momento do crime e que José Orlando tinha ido registrar um Boletim de Ocorrência sobre o roubo da moto deles. “A gente nem conseguiu registrar porque lá só entrava com a carteira da vacina da Covid-19”, disse.

Após sair da delegacia, o casal seguiu a pé para a Feira das Laranjeiras, para pegar uma van para voltarem para casa. Ao chegar perto de uma igreja evangélica, dois homens surgiram em uma motocicleta.

Um deles efetuou vários disparos de pistola calibre 380 contra a vítima, que morreu na hora. “Eles não falaram nada, só foram atirando. Eu só me abaixei”, disse a mulher, acrescentando que não sabe porque o marido teria sido assassinado, pois ele era trabalhador braçal e não tinha inimigos.

VEJA TAMBÉM:

Pastor é acusado de abusar e engravidar adolescente 

Arrombador é preso após ser localizado em cima de telhado 

Discussão no trânsito termina em assassinato de empresário

“Eu estou encabulada porque ele era muito gente boa e aconteceu isso de repente. Ele era caseiro. Tirou um pedaço de mim, a pessoa que eu amava se foi”, disse Santana Pereira. 

José Orlando Pereira da Silva deixa quatro filhos órfãos de pai. O caso será investigado pelo Departamento de Homicídio da Polícia Civil. 


Conteúdo Relacionado

0 Comentário(s)