Diário Online
Edição do dia
Edição do dia
Leia a edição completa grátis
Previsão do Tempo
25°
cotação atual R$
JUSTIÇA

Estuprador de Ananindeua ficará preso preventivamente

Davisson Luís de Moraes, que já respondia por crimes de estupro em Acará, teve a prisão em flagrante convertida e preventiva.

quarta-feira, 11/05/2022, 12:00 - Atualizado em 11/05/2022, 14:15 - Autor: Denilson d'Almeida

Google News

Davisson Luís de Moraes continua no sistema penal.
Davisson Luís de Moraes continua no sistema penal. | Cácia Medeiros/ RBATV

Somente nos quatro primeiros meses deste ano, 1023 ocorrências de estupro foram registradas no Pará, segundo a Secretaria de Estado de Segurança Pública e Defesa Social (Segup). Em Ananindeua, ontem (10), um homem atacou uma funcionária de um escritório de advocacia. Com uma faca Davisson Luís de Moraes ameaçou a vítima e a obrigou praticar sexo oral nele por duas vezes. Ele foi preso em flagrante e nesta quarta-feira (11) teve a prisão preventiva decretada durante a audiência de custódia.

O acusado já respondia por crime de estupro que cometeu na cidade de Acará. Fato que também contribuiu para a decisão do juiz Antônio Carlos Cunha do Plantão Unificado Ananindeua, Marituba e Benevides, que manteve o acusado preso.

Vídeo: cachorro é resgatado na Sacramenta após denúncias

O crime de estupro foi na manhã de ontem (10). Imagens das câmeras de segurança do escritório foram entregues as policiais Militar e Civil e divulgadas pela imprensa. O pai de Davisson o reconheceu e foi até a casa dele para pedir que ele se entregasse. O acusado já tinha feito a barba para tentar não ser reconhecido.

O acusado foi preso no bairro do Aurá e apresentado na Delegacia de Ananindeua, onde o inquérito foi tombado.

Conteúdo Relacionado

0 Comentário(s)
MAISACESSADAS