Diário Online
Notícias / Polícia
TROCA DE TIROS

Suspeito de assalto à lavanderia é morto em Cotijuba 

Rodrigo dos Santos da Silva, 22 anos, morreu em ação da Polícia Militar. Ele era suspeito de assaltar uma lavanderia em Icoaraci, no dia 27 de junho.

terça-feira, 05/07/2022, 22:11 - Atualizado em 05/07/2022, 22:10 - Autor: Wesley Rabelo

Google News

Imagem ilustrativa da notícia: Suspeito de assalto à lavanderia é morto em Cotijuba 
| ( Reprodução )

Um jovem morreu na manhã desta terça-feira (05), ao trocar tiros com militares do 10º Batalhão da Polícia Militar do Pará (10º BPM) na Ilha de Cotijuba, distrito de Belém. Rodrigo dos Santos da Silva, 22 anos, era suspeito de assaltar uma lavanderia em Icoaraci, também na capital paraense, no dia 27 de junho, por volta de 22h. 

De acordo com os relatos dos policiais, as guarnições receberam a denúncia de que Rodrigo estaria armado e planejando assaltos em Cotijuba. Um cerco foi montado na casa denunciada, os militares cercaram toda a área. Ao perceber a presença da polícia, o criminoso  sacou um revólver calibre 32 e efetuou disparos contra as guarnições.

Durante a troca de tiros, Rodrigo foi alvejado com dois disparos. O acusado chegou a ser socorrido mas não resistiu e morreu ainda no local. 

LEIA TAMBÉM:

Assaltantes de lavanderia de Icoaraci são presos pela PM

Clientes de lavanderia são assaltados por trio em Icoaraci

A arma encontrada com o suspeito foi apreendida e encaminhada para delegacia de Cotijuba, onde o caso foi registrado. O revólver continha 5 munições deflagradas e uma intacta. 

RELEMBRE

Rodrigo dos Santos da Silva é apontado como um dos participantes de um assalto em uma lavanderia, localizada na travessa São Roque, no distrito de Icoaraci, em Belém. Toda ação foi flagrada por câmeras de segurança. Após levarem os pertences das vítimas, os assaltantes as deixaram trancadas dentro do estabelecimento.

Outros dois criminosos foram presos acusados de participação no crime, eles foram identificados como Deivyson Rodrigues Veloso e Rodrigo dos Anjos da Silva, ambos já tinham passagem pela polícia e faziam uso de tornozeleira eletrônica.  

Conteúdo Relacionado

4 Comentário(s)
    Exibir mais comentários
    MAISACESSADAS