plus

Edição do dia

Leia a edição completa grátis
Previsão do Tempo 30°
cotação atual R$


home
LATROCÍNIO

Policial é morto a tiros e tem arma roubada na Grande Belém

Policial foi assassinado na madrugada deste domingo (11) quando estava em um posto de combustíveis em Barcarena, na Grande Belém.

Imagem ilustrativa da notícia Policial é morto a tiros e tem arma roubada na Grande Belém camera O militar, identificado como Lucas Henrique Saraiva, foi surpreendido enquanto abastecia sua motocicleta em um posto de combustíveis. | Reprodução

Quatro criminosos mataram para roubar a pistola de um soldado da Polícia Militar quando ele teria parado para abastecer em um posto de combustível no perigoso Trevo da Peteca, que limita os municípios de Barcarena e Abaetetuba, na região nordeste paraense.

O latrocínio ocorreu pouco depois das 3h40 deste domingo (11) de Carnaval e foi atendido por viaturas do 89º Pelotão Destacado de vila do Conde e 14º Batalhão de vila dos Cabanos onde o militar era lotado.

CONTEÚDO RELACIONADO:

Câmeras de segurança gravaram toda a ação criminosa. O movimento no posto e na loja de conveniência era tranquilo quando os criminosos chegam em veículo e na sequência o militar aparece correndo de dois criminosos quando acaba sendo alvejado e cai.

Os bandidos retiraram o armamento que estava na cintura e em seguida fugiram no veículo que foi abandonado horas depois na periferia de Barcarena. As informações dão conta que o militar teria passado para abastecer e seguiu para a loja de conveniência quando sofreu o ataque.

Quer mais notícias de polícia? Acesse nosso canal no WhatsApp!

No registro da Polícia Militar a guarnição da viatura 1415 foi acionada pelo comandante da 1ª Companhia do 14º Batalhão informando que no posto do Peteca tinha um policial militar baleado.

De imediato a guarnição se deslocou para o posto e ao chegar no local se constatou que se tratava do soldado Lucas Henrique Aracati Saraiva, pertencente ao efetivo do 14º BPM de Barcarena.

Pelo rádio foi pedido apoio a todas as viaturas 1408,1409,1405 e da Polícia Civil, porém o soldado “Aracati” como era conhecido na corporação já tinha evoluído a óbito restando acionar os órgãos de perícia e remoção do Instituto Médico Legal Renato Chaves.

Os levantamentos da Polícia Militar confirmam a versão apresentada por testemunhas dando conta que o militar teria abastecido sua motocicleta e ficado no posto quando três criminosos chegaram atirando no policial e após entraram em um carro Pálio azul onde havia mais um quarto homem aguardando e tomaram destino desconhecido.

Foi registrado também que o armamento do militar, uma pistola PT940, e pertences do militar foram levados pelos assassinos. Por determinação do comando do 14º Batalhão, uma grande caçada foi levada a efeito na tentativa de localizar os criminosos cujo carro foi abandonado na periferia de Barcarena sendo solicitado a devida perícia.

VEM SEGUIR OS CANAIS DO DOL!

Seja sempre o primeiro a ficar bem informado, entre no nosso canal de notícias no WhatsApp e Telegram. Para mais informações sobre os canais do WhatsApp e seguir outros canais do DOL. Acesse: dol.com.br/n/828815.

tags

Quer receber mais notícias como essa?

Cadastre seu email e comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Conteúdo Relacionado

0 Comentário(s)

plus

Mais em Polícia

Leia mais notícias de Polícia. Clique aqui!

Últimas Notícias