plus
plus

Edição do dia

Leia a edição completa grátis
Edição do Dia
Previsão do Tempo 33°
cotação atual R$


home
TRÁFICO E FACÇÕES

Presos no RJ foragidos do sistema penal paraense

A prisão ocorreu em Niterói, no Rio de Janeiro, eles já estão à disposição da justiça

twitter Google News
Imagem ilustrativa da notícia Presos no RJ foragidos do sistema penal paraense camera Polícia Civil do Pará | ( Reprodução )

O tráfico de drogas é um problema sério que afeta muitas sociedades ao redor do mundo. Envolve a produção, distribuição e venda ilegal de substâncias controladas, como cocaína, heroína, maconha, entre outras. Esse comércio ilícito tem consequências devastadoras, incluindo vício, violência, corrupção e danos à saúde pública.

A Polícia Civil do Pará, em colaboração com a Polícia Civil do Rio de Janeiro, deteve dois homens que estavam foragidos do sistema penitenciário paraense por tráfico de drogas, na terça-feira (16), em Niterói (RJ).

De acordo com o delegado-geral da Polícia Civil do Pará, Walter Resende, um dos investigados, além de atuar no tráfico de entorpecentes no Complexo do Salgueiro, mantinha uma relação de confiança com o líder criminoso responsável pela comercialização de drogas em São Gonçalo (RJ), que é afiliado a uma das maiores facções do Rio de Janeiro.

Conteúdos relacionados:

A dupla, considerada de alta periculosidade, também exercia função de liderança na gestão das atividades de uma facção criminosa do Pará, envolvendo-se em sequestros e extorsões contra comerciantes. Um dos envolvidos estava com mandado de prisão em aberto.

Os traficantes, de 31 e 23 anos, que estavam sob monitoramento há dois meses, foram abordados em um momento de lazer, desarmados e acompanhados por suas namoradas na Praia de Itaipu, na região oceânica de Niterói. A Delegacia de São Gonçalo também participou das prisões.

Quer ler mais notícias do Pará? Acesse nosso canal no Whatsapp

Após os procedimentos legais, os detidos foram mantidos à disposição do Poder Judiciário.

VEM SEGUIR OS CANAIS DO DOL!

Seja sempre o primeiro a ficar bem informado, entre no nosso canal de notícias no WhatsApp e Telegram. Para mais informações sobre os canais do WhatsApp e seguir outros canais do DOL. Acesse: dol.com.br/n/828815.

tags

Quer receber mais notícias como essa?

Cadastre seu email e comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Conteúdo Relacionado

0 Comentário(s)

plus

    Mais em Polícia

    Leia mais notícias de Polícia. Clique aqui!

    Últimas Notícias