DOL Carajás
Cidades / Marabá
TODOS CONTRA A COVID-19

Mutirão de vacinação recomeça nesta quarta-feira em Marabá

Mutirão vai acontecer nesta quarta, quinta e sexta-feira. Baixe aqui a declaração e corra pra pegar sua vaga na fila

terça-feira, 02/11/2021, 18:47 - Atualizado em 02/11/2021, 18:58 - Autor: Michel Garcia


Marabá vai continuar com o mutirão de vacinação esta semana, começando nesta quarta (3) indo até esta sexta-feira (5)
Marabá vai continuar com o mutirão de vacinação esta semana, começando nesta quarta (3) indo até esta sexta-feira (5) | Reprodução PMM

Há um mês Marabá tinha 19.916 casos confirmados de pessoas infectadas pela Covid-19. Hoje, quarta-feira dia 3 de novembro, os casos confirmados já somam 20.103, ou 187 novos em um mês. O número de óbitos dentro de um mês é de 1, sendo 459 no dia 3 de outubro e 460 neste 3 de novembro.

Os dados são do Boletim Epidemiológico divulgados pela Secretaria Municipal de Saúde de Marabá e grande parte desse quadro estabilizado é por conta da campanha de vacinação contra a Covid-19. 

Segundo dados divulgados pelo vacinômetro da Secretaria Estadual de Saúde, Sespa, já foram disponibilizados para Marabá, 286.377 doses de vacinas, sendo que 159.626 já foram aplicadas na primeira dose, 42.956 na segunda, num total de 204.285 ou 71,33% das doses totais aplicadas.

 

Mutirão vai continuar acontecendo no Carajás Centro de Convenções em Marabá
Mutirão vai continuar acontecendo no Carajás Centro de Convenções em Marabá | Reprodução PMM
 

Para alcançar o total de pessoas que ainda faltam tomar as doses da vacina, Marabá vai continuar com o mutirão de vacinação esta semana, começando nesta quarta (3) indo até esta sexta-feira (5). O mutirão vai acontecer no Carajás Centro de Convenções na BR-222, Nova Marabá.

Veja também!

Cães realmente têm troca de olhares mais intensas com donos

Vídeo: Internautas se surpreendem com idade de jovem

Hospital de Redenção volta a fazer transplantes de rim

Serão ofertadas a primeira dose para a população em geral a partir de 12 anos, inclusive grávidas e puérperas. A segunda dose para pessoas com a dose atrasada ou que estão marcadas para os dis 3, 4 e 5 de novembro. 

Antecipação da Pfizer para todas as pessoas que completam 8 semanas da primeira dose. 

Veja os demais critérios abaixo.

 

| Reprodução PMM
 

Já a terceira dose é destinada a idosos e profissionais de saúde com intervalo de 06 meses da segunda dose, bem como pessoas imunossuprimidas desde que tenham recebido a segunda dose há, pelo menos, 28 dias. Para ser vacinado, é necessário apresentar cartão SUS, cartão de vacinação, documento de identidade, declaração preenchida, cujo modelo você pode baixar aqui. 

São considerados imunossuprimidos, pessoas com o sistema imune deficiente seja por um doença congênita ou outras condições, a exemplo de pacientes em tratamento oncológico, em hemodiálise, transplantados, com HIV/AIDS e ainda pacientes com imunodeficiência primária grave e pessoas que fazem uso dos seguintes medicamentos: Metotrexato, Leflunomida, Micofenolato de mofetila, Azatripina, Ciclofosfamida, Ciclosporina, Tacrolimus, Mercaptopurina, Infliximabe, Etanercept, Humira, Adalimumabe, Tocilizumabe, Canakinumabe, Golimumabe, Certolizumabe e Abatacepte.



Conteúdo Relacionado

0 Comentário(s)
    Exibir mais comentários
    MAISACESSADAS