DOL Carajás
Edição do dia
Edição do dia
Leia a edição completa grátis
Previsão do Tempo
29°
cotação atual R$
IMPRUDÊNCIA

Mulher morre após colidir moto em caminhão parado 

Caminhão estava parado na estrada desde sábado (15), sem nenhum tipo de sinalização

quinta-feira, 20/01/2022, 11:50 - Atualizado em 20/01/2022, 11:50 - Autor: Com Informações Carajás Notícias

Google News

Kellyanne Silva morreu na hora
Kellyanne Silva morreu na hora | Reprodução

A cada ano, desde 2009, o número de motociclistas mortos só cresce. Os últimos dados disponibilizados pelo Ministério da Saúde dão conta de que eles são mais de 35% do total de vítimas fatais.

Na noite desta quarta-feira (19) mais uma pessoa entrou para essa triste estatística. A jovem Kellyanne Silva Rolim da Cunha, de 18 anos, pilotava uma motocicleta, quando colidiu com um caminhão caçamba que estava parado às margens da estrada que liga as vilas Palmares I e II, na zona rural de Parauapebas, no sudeste do Pará. 

 

Caminhão estava parado desde o último sábado, sem sinalização
Caminhão estava parado desde o último sábado, sem sinalização | Reprodução
 

A jovem retornava para casa, por volta de 21 horas, quando ocorreu o acidente. Uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) foi acionada e esteve no local, porém quando os socorristas chegaram, apenas constataram a morte da jovem.

De acordo com informações colhidas junto a Polícia Militar, o caminhão estaria parado na estrada desde sábado (15), sem nenhum tipo de sinalização, o que acabou por provocar a morte prematura da jovem. O veículo estava carregado de areia.

 

Jovem retornava para casa, quando ocorreu a colisão
Jovem retornava para casa, quando ocorreu a colisão | Reprodução
 

Ainda segundo a PM, o motorista do veículo pesado teria sido aconselhado pelos militares (antes de ocorrer o acidente), que patrulhavam a área naquele dia para retirar o caminhão da estrada ou sinalizar o local para evitar um possível acidente. Mas, ele não teria obedecido. 

Veja também:

Vídeo: Empresário que surtou em shopping tem novo ataque

Idoso é salvo de ser engolido por sucuri com serrote no Pará

Mulher mata marido após discussão no Sul do Pará 

Informada do acidente a guarnição da Polícia Militar se dirigiu ao trecho da via, onde isolou área e acionou o Departamento de Trânsito e Transporte (DMTT), para controlar o tráfego, bem como a Polícia Civil e uma equipe do Instituto Médico Legal (IML). Profissionais do Centro de Perícia Científica Renato Chaves, também estiveram no local realizando a perícia.

Revoltados, os moradores da área que já haviam reclamando do veículo parado na via, sem sinalização, se indignaram com a morte da jovem e logo após os procedimentos das autoridades e a remoção do corpo de Kellyanne Silva, atearam fogo no veículo pesado.


Conteúdo Relacionado

0 Comentário(s)