Diário Online
FILHO REJEITADO

Lucas Penteado é intimado para fazer teste de DNA 

O ator seria pai de um menino de quase seis anos, que é rejeitado pelo famoso

terça-feira, 05/10/2021, 15:59 - Atualizado em 05/10/2021, 15:59 - Autor: Com informações do Metrópoles


Imagem ilustrativa da notícia: Lucas Penteado é intimado para fazer teste de DNA 
| Reprodução/TV Globo

Ser reconhecido pelo pai, infelizmente, nem sempre é uma tarefa fácil para muitos filhos. Esse tipo de situação é mais comum do que o esperado, até mesmo no mundo artístico. Em alguns casos, o teste de reconhecimento de paternidade só acontece a partir de uma intimação da Justiça. 

Um exemplo disso é o ator Lucas Penteado, que foi intimado a fazer o teste de DNA para reconhecimento de paternidade de um garotinho de seis anos. A mãe da criança e ex-namorada do artista, Ana Karoline Acre Ferreira de Sousa do Nascimento, entrou com o pedido na Justiça. 

Nego do Borel é encontrado em motel e faz gesto obsceno

O ator e a jovem se conheceram em meados de 2012, quando os dois tinham 16 anos de idade. O casal engatou o namoro por pouco mais de um ano. Em 2015, eles retomaram o relacionamento, e Ana descobriu que estava esperando um filho, que nasceu em outubro do mesmo ano. 

A jovem contou, na ação, que Lucas pediu o exame de DNA assim que Ana revelou que estava grávida. Em seguida, os dois se separaram novamente. O artista não teria acompanhado a gestação de Karoline e nem deu qualquer suporte financeiro à jovem. Lucas também não teria feito questão de conhecer o garoto. 

Grávida? Barriga de Paolla Oliveira chama atenção de fãs

Ana buscou a Defensoria Pública para que o artista reconhecesse o menino como filho. Mesmo após intimação para realizar um exame de DNA em março deste ano, o ator preferiu não comparecer à audiência. Após o ocorrido, a mãe da criança decidiu entrar com uma ação de investigação de paternidade. 

A mãe do menino quer o reconhecimento de Lucas como pai, além de uma pensão alimentícia de 30% sobre os ganhos do famoso, assim como uma indenização de R$ 6,6 mil. 

Conteúdo Relacionado

4 Comentário(s)
    Exibir mais comentários
    MAISACESSADAS