Diário Online
Esporte / Esporte Brasil
NA ÁREA

Flamengo anuncia chileno Erick Pulgar, ex-Fiorentina

Em 2013, Jogador esteve envolvido em um atropelamento de um senhor de 66 anos, onde não prestou socorro e a vítima acabou morrendo. Já este ano, foi denunciado em um caso de estupro a uma mulher

sexta-feira, 29/07/2022, 22:38 - Atualizado em 29/07/2022, 22:38 - Autor: FOLHAPRESS

Google News

Volante é mais um dos reforços de peso que chegam ao Mengão
Volante é mais um dos reforços de peso que chegam ao Mengão | Divulgação/Flamengo

O Flamengo anunciou nesta sexta-feira (29) a contratação do volante chileno Erick Pulgar, de 28 anos, que assinou contrato até dezembro de 2025.

O jogador havia desembarcado na noite de ontem (28) no Rio de Janeiro e passou por exames médicos antes de firmar o vínculo. No Rubro-Negro, ele reencontrará seu companheiro de seleção chilena Arturo Vidal, que também chegou recentemente e já estreou pelo clube carioca.

"Estava vendo os jogos do Flamengo lá da Itália, e vi que tem uma torcida bastante louca. Quero viver essa experiência pessoalmente e estar logo em campo. Vamos juntos, nação!", disse Pulgar à Fla TV em suas primeiras palavras como jogador do clube.

Pulgar carrega um histórico controverso, o que gerou algumas manifestações contrárias de torcedores flamenguistas nas redes sociais. Em 2013, quando tinha 18 anos, ele esteve envolvido em um atropelamento de um senhor de 66 anos, onde não prestou socorro e a vítima acabou morrendo.

O jovem chegou a ser preso preventivamente, mas depois foi libertado. Já este ano, segundo a "TNT" do Chile, foi denunciado em um caso de estupro a uma mulher de 24 anos em sua residência, mas as investigações, até o momento, não comprovaram seu envolvimento no crime.

Ciente de todas as polêmicas, a diretoria rubro-negra consultou as autoridades chilenas antes de dar prosseguimento às negociações e, com a negativa de que o jogador praticou o delito, encaminhou o acerto.Nas redes sociais, no entanto, muitos torcedores criaram a hastag #PulgarNão, numa mensagem clara de que estavam contra o reforço. Porém, a manifestação não foi suficiente para convencer os dirigentes a desistirem da ideia.


Conteúdo Relacionado

4 Comentário(s)
    Exibir mais comentários
    MAISACESSADAS