plus

Edição do dia

Leia a edição completa grátis
Previsão do Tempo 25°
cotação atual R$


home
ALÍVIO

Santos entra em acordo e termina suspensão da Fifa

LAcordo com clube russo tira o nome do Santos do vermelho junto a Fifa

Imagem ilustrativa da notícia Santos entra em acordo e termina suspensão da Fifa camera Peixe pode contratar jogadores após acordo com a Fifa | Raul Baretta / Santos FC

O Santos firmou acordo com o Krasnodar (Rússia) pelo fim do transferban na Fifa.

O time paulista pagará o valor de U$ 4,5 milhões (cerca de R$ 22 milhões) em quatro parcelas até o dia 25 de junho deste ano. O acordo com os russos se arrastou justamente pela forma de pagamento.

O banimento foi aplicado por falta de pagamento aos russos pela contratação de Cueva, em 2019, por 7 milhões de dólares. A contratação foi realizada na gestão de José Carlos Peres.

CONTEÚDO RELACIONADO

O caso veio à tona na gestão de Andres Rueda, que também buscou acordo com os russos e não cumpriu. A diretoria de Marcelo Teixeira precisou apresentar garantias de pagamento e ter paciência com o clube russo, que demonstrou desconfiança.

Com o acordo, o Santos volta a esquentar o mercado visando reforços para o Campeonato Brasileiro. A diretoria cogita trazer até quatro nomes que estejam dentro da realidade do clube.

Quer saber mais de esporte? Acesse o canal do DOL no Whatsapp

A direção vê um meia, ponta-direita e centroavante como posições importantes. Vale reforçar, não deve chegar medalhões para o restante da temporada, a não ser que venha como oportunidade de mercado.

E MAIS

VEM SEGUIR OS CANAIS DO DOL!

Seja sempre o primeiro a ficar bem informado, entre no nosso canal de notícias no WhatsApp e Telegram. Para mais informações sobre os canais do WhatsApp e seguir outros canais do DOL. Acesse: dol.com.br/n/828815.

tags

Quer receber mais notícias como essa?

Cadastre seu email e comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Conteúdo Relacionado

0 Comentário(s)

plus

Mais em Esporte Brasil

Leia mais notícias de Esporte Brasil. Clique aqui!

Últimas Notícias