Diário Online
Esporte / Esporte Pará
DEPOIS DA COVID

Paredão azulino está de volta aos treinos

Ídolo azulino, o goleiro está recuperado de covid e foi reintegrado ao elenco. Com a boa fase de Thiago Rodrigues, que o substituiu, a ordem agora é trabalhar dobrado para seguir firme no time titular

quarta-feira, 24/03/2021, 08:49 - Atualizado em 24/03/2021, 08:49 - Autor: Matheus Miranda/ Diário do Pará


O goleiro remista ficou afastado por duas partidas e precisa recuperar o tempo perdido
O goleiro remista ficou afastado por duas partidas e precisa recuperar o tempo perdido | Divulgação/ Clube do Remo

O Clube do Remo realizou, ontem, em Castanhal, o seu primeiro treinamento depois de um breve período parado, já que o lockdown na região metropolitana de Belém, como medida de restrição à pandemia do novo coronavírus, impede que as atividades esportivas sejam realizadas. E na volta da programação coletiva da equipe, outro grato retorno foi efetivado: o goleiro Vinícius, liberado pelo departamento médico após pouco mais de uma semana em tratamento devido ter testado positivo para covid-19. O jogador volta a compor o elenco depois de ter desfalcado a equipe nas duas últimas partidas do Leão Azul, tanto pelo Estadual quanto na Copa do Brasil, em compromissos que os azulinos foram soberanos em campo.

De longe, o ídolo da torcida viu o seu companheiro de posição, Thiago Rodrigues, corresponder à altura a responsabilidade na meta resista, ao ter sido peça fundamental nos dois triunfos, em especial no duelo da competição nacional, ao ter defendido um pênalti. Até por isso, em reconhecimento ao talento do colega na meta, o camisa 1 destacou ainda mais empenho para manter a defesa azul-marinho sempre segura. “A gente fica triste de ficar de fora, porque a gente gosta de estar trabalhando, mas fiquei feliz pelo Thiago, que é um atleta que merece, pelo profissional que é, pelo caráter e pela pessoa que é fora de campo”, disse Vinícius. “A gente fica feliz, porque quem ganha é o clube, porque aumenta a competitividade dentro do elenco”, seguiu o goleiro.

Com dois jogos importantes pela frente nas duas competições que tem disputado paralelamente neste começo de temporada, no caso o clássico Re-Pa, pelo Estadual, e contra o CSA-AL, como visitante, pela Copa do Brasil, Vinícius destacou neste momento o foco voltado para os alagoanos, devido ter uma data mais real para o combate, já que o Parazão permanece suspenso. Dessa maneira, o arqueiro enfatizou a palavra de ordem imposta pelo grupo e comissão técnica. “A gente tem que superar essas dificuldades e procurar fazer lá um jogo muito competitivo. Ficamos uns dias sem poder trabalhar, mas graças a Deus encontramos uma alternativa muito boa em Castanhal. Então é intensificar os treinamentos para que a equipe continue nesse evolução, nesse crescimento. A palavra de ordem é superar, superar as dificuldades e fazer um grande jogo contra o CSA-AL”, ratificou.

Nesse ponto, pelo peso do compromisso, o jogador destacou que está preparado para assumir a sua função na equipe. “Já estou recuperado, agora é voltar aos treinamentos com muita ambição e muita vontade. Ficar de fora é sempre ruim. É trabalhar para voltar e dar o melhor dentro de campo”, almeja.

A gente fica feliz, porque quem ganha é o clube, porque aumenta a competitividade dentro do elenco (...) É trabalhar para voltar e dar o melhor dentro de campo.

Vinícius, goleiro azulino, sobre a concorrência com Thiago

Conteúdo Relacionado

4 Comentário(s)
    Exibir mais comentários
    MAISACESSADAS