Diário Online
Esporte / Esporte Pará
NA BRONCA!

Goleiro acusa árbitro de não marcar pênalti em favor do Remo

"Se fosse contra o Remo teria sido marcado pênalti na hora!, diz Rodrigo Joviasky, no seu perfil no Instagram.

segunda-feira, 29/11/2021, 16:03 - Atualizado em 29/11/2021, 16:03 - Autor: Magno Fernandes


Goleiro Rodrigo Joviasky do Clube do Remo
Goleiro Rodrigo Joviasky do Clube do Remo | Reprodução/Remo TV

O rebaixamento do Clube do Remo para a Série C do Campeonato Brasileiro de 2022 já é um fato consumado. A queda azulina é o resultado de inúmeros erros e falhas não apenas da diretoria mas também dos atletas. No entanto, em meio a quase toda a competição, a arbitragem foi alvo de várias reclamações.

 

 Neto Pessoa e Igor Fernandes lamentam após o fim do jogo. |
Neto Pessoa e Igor Fernandes lamentam após o fim do jogo. | | Divulgação
 

Com o empate em 0 x 0 diante do Confiança-SE, que já havia sido rebaixado com uma rodada de antecedência, o Clube do Remo teve seu retorno à Terceirona decretado diante dos olhos de seu torcedor, que lotou as arquibancadas do estádio Baenão, no domingo (28).

 Embora praticamente todos os jogadores do elenco azulino, estejam preferindo até o momento evitar qualquer tipo de declaração, o goleiro Rodrigo Joviasky não resistiu e usou suas redes sociais para apontar um lance que poderia ser determinante para que o Leão viesse a sair com a vitória, mas que simplesmente foi ignorado pelo árbitro Raphael Klaus-FIFA/SP.

 

Goleiro do Clube do Remo, Rodrigo Joviasky aponta erro de arbitragem durante partida contra o Confiança-SE
Goleiro do Clube do Remo, Rodrigo Joviasky aponta erro de arbitragem durante partida contra o Confiança-SE | Reprodução/Instagram
 

Por conta disso, o goleiro Rodrigo relata: "se fosse contra o Remo teria sido marcado pênalti na hora! O Remo sempre foi prejudicado pela arbitragem, inúmeras vezes e o VAR não agiu corretamente! Aí fica foda! Sempre contra tudo e contra todos!" apontou o terceiro goleiro azulino, no stories de seu Instagram. 

Na jogada, foi realizada uma cobrança de falta, ainda no 1º tempo de disputa, pelo meia Felipe Gedoz. Ele disparou o chute para o gol do time sergipano, mas a bola acaba esbarrando na defesa e segue sua trajetória para a linha de escanteio. Entretanto, o camisa 10 reclamou que houve um toque de mão dentro da área, e daí, pediu pênalti que não foi marcado. 

GOL ANULADO

Ainda durante o jogo, o Clube do Remo chegou a marcar o gol pelo atacante Neto Pessoa, que sacramentaria sua permanência na Série B, e que levou os torcedores ao delírio nas arquibancadas.

No entanto, o gol foi invalidado pela arbitragem do jogo, alegando o toque de mão por parte do camisa 9 azulino. O lance deixou muitos torcedores na dúvida, mas as imagens da RBATV (conforme vídeo acima) confirmam que a bola foi na mão do jogador, atestando, assim, a irregularidade na jogada.

Conteúdo Relacionado

4 Comentário(s)
    Exibir mais comentários
    MAISACESSADAS