Diário Online
Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
27°
cotação atual R$
COPA VERDE

Vingança! Remo vai com sangue nos olhos por título inédito

Leão vai em busca do título inédito contra o Vila Nova-GO, em uma partida cheia de significados

terça-feira, 07/12/2021, 19:40 - Atualizado em 07/12/2021, 19:45 - Autor: Diego Beckman


Remo quer fechar 2021 com sangue nos olhos e finalmente ser campeão regional.
Remo quer fechar 2021 com sangue nos olhos e finalmente ser campeão regional. | Youtube / Remo TV

Uma das frases mais marcantes do primeiro filme da franquia Os Vingadores (2012) é dita pelo personagem do Homem de Ferro: "podemos não salvar a Terra, mas ela certamente será vingada", declarou Tony Stark. Diferente de Stark, nesta quarta-feira (8), o Clube do Remo entra em campo na final da Copa Verde com a missão de, sim, vencer a todo o custo e salvar a temporada. E, igual a Stark, o Leão Azul entra também com 'sangue nos olhos' para vingar a honra diante do Vila Nova. 

Fora de casa, o time paraense tentará algo que falta na sua galeria de títulos: o troféu de campeão inédito da competição, após ser vice-campeão duas vezes. Para isso, o Remo tem trunfos e experiências para não deixar a torcida azulina decepcionada neste fim de ano.

VONTADE DE FAZER DIFERENTE

Uma das grandes motivações do Clube do Remo nessa decisão da Copa Verde é a vontade de "acertar o tiro": na edição passada da Copa Verde, o Clube do Remo ficou apenas com vice-campeonato diante do Brasiliense-DF, dentro do Mangueirão. O time remista venceu no tempo normal, mas abusou de perder gols e viu o Jacaré ser campeão.

Além de querer tirar a "bronca" pelo vice na competição regional, o Clube do Remo vai ter a chance de fazer isso diante do Vila Nova, que foi o carrasco do time paraense na final da Série C. Apesar dos problemas com surto de covid-19 no elenco remista, naquele ano, o Leão foi a campo e viu os goianos serem campeões nacionais da Terceira Divisão com duas vitórias.

NETO PESSOA: O 'MATADOR' DA COPA VERDE

Para apagar essas feridas, o Remo tem em campo uma arma faminta de gols: Neto Pessoa, artilheiro da Copa Verde, vem embalado de quatro gols marcados na semifinal contra o Paysandu, algo que o colocou em um grupo seleto de artilheiros em clássicos.

MELHOR ATAQUE DA COMPETIÇÃO

Com a artilharia da competição e a vitória no clássico, o Remo tem ainda a favor o melhor ataque da Copa Verde. São 16 gols 'na conta', sendo que a maioria foi na estreia do time: um sonoro 9 a 0 sobre o Galvez-AC.

VILA NOVA JÁ LEVOU 'PEIA'

Melhor ataque, artilheiro e vitória no Re-Pa não bastam: a torcida azulina espera por um título inédito e espera que o Remo possa repetir a atuação devastadora contra o adversário goiano feita em 2006: naquele ano, o Remo goleou o Vila por 4 a 1 pela Série B diante do Baenão lotado depois de vencer em Goiânia (GO), por 2 a 1. 

 

O Clube do Remo enfrentou o Vila Nova (GO) no Estádio Baenão pela 1º fase do Campeonato Brasileiro da Série B de 2006.Não clique AQUI: https://tinyurl.com/ca... Copa 70
 

TÁ VALENDO O 'PIX'

Além da questão desportiva, o Remo pode ter bônus no futuro próximo: o título pode valer R$ 150 mil de cota de premiação da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), fora a cota da 3ª fase da Copa do Brasil de 2022, algo que pode chegar a casa de R$ 2 milhões, o que não seria nada mal para o elenco na próxima temporada

SÓ TE DIGO: VEM!

A batalha começa no estádio Onésio Brasileiro Alvarenga (OBA), nesta quarta-feira (8), e tudo que os remistas esperam é que o Leão faça cumprir o ditado: que essa vitória "demorada" seja servida fria, como prato de vingança, para fazer um fim de ano quente a sua torcida, com o título inédito.

Conteúdo Relacionado

0 Comentário(s)
MAISACESSADAS