Diário Online
Esporte / Esporte Pará
O HOMEM CHEGOU

Paysandu: Ricardinho fala sobre vinda de Leandro Carvalho

Ricardinho comentou sobre o apoio do torcedor na temporada, do caso Leandro Carvalho, que campos pesados não podem ser usados como desculpas e das metas para a temporada

terça-feira, 04/01/2022, 08:06 - Atualizado em 04/01/2022, 19:12 - Autor: DOL


Imagem ilustrativa da notícia: Paysandu: Ricardinho fala sobre vinda de Leandro Carvalho
|

O elenco do futebol profissional do Paysandu apresentou-se nesta segunda-feira (3) e iniciou os trabalhos de pré-temporada. Principal contratação para o ano até aqui, o meio campista Ricardinho, de 36 anos, foi apresentado oficialmente e concedeu entrevista coletiva. Ele comentou sobre suas expectativas na busca pelos objetivos do ano.

Leia também: Reunião marca posse de Graciete Maués na Tuna

“É realmente um prazer estar aqui, poder vestir essa camisa. Sabemos das nossas responsabilidades. Temos uma caminhada no ano onde vamos unir um propósito maior que é o clube e vamos juntos proporcionar experiências vitoriosas e apaixonantes para o torcedor e para todos nós. Espero poder jogar mais. Não joguei da maneira que esperava no Botafogo, mas em 2022 será um ano diferente em termos de performance individual e, principalmente, coletiva. Pretendo ajudar, me sentir útil dentro do clube podendo ajudar companheiros e mudar ambientes. Então, vamos juntos em busca dos objetivos, para somarmos as nossas forças e conquistar o que almejamos”, destacou.

Ricardinho é a principal contratação para a temporada até aqui
Ricardinho é a principal contratação para a temporada até aqui | (Foto: John Wesley/Paysandu)

Junto com os companheiros, Ricardinho tem como primeira missão buscar o título do Campeonato Paraense, o que seria o tricampeonato do Papão e o de número 50 da história do Lobo, o que aumentará ainda mais a hegemonia do clube no cenário regional. O campeonato é marcado por campos pesados, com muita água e lama na maioria dos campos, devido as fortes chuvas.

“O estadual no Ceará, até março, abril, tem muita chuva também. Mas o ser humano é altamente capacitado para se adaptar às situações. Temos que pensar e focar no que vamos ter pela frente, sem procurar desculpas. Temos que vivenciar e jogar o que o jogo pedir. É adaptação do atleta de futebol”, ponderou o meia.

Jogador falou que jogadores devem se adaptar aos campos pesados do Parazão
Jogador falou que jogadores devem se adaptar aos campos pesados do Parazão | (Foto: John Wesley/Paysandu)

A torcida do Paysandu é uma das maiores da região norte do país e bastante conhecida pelas exigências ao time. No entanto, o apoio sempre aparece, até mesmo quando o clube "não merece". O experiente meia quer usar a força da Fiel Bicolor como aliada e um combustível para que a equipe alcance as metas traçadas para a temporada.

“Fazer com que a paixão do torcedor transborde para dentro de campo, para que possamos jogar da melhor maneira. Que a torcida seja o 12° jogador. Nós sabemos dessa força e é dessa maneira que espero poder fazer o meu melhor todos os dias aqui, ajudando, acrescentando para que as coisas aconteçam naturalmente”, enfatizou.

Leandro Carvalho

“Conversamos bastante, procurei pedir algumas informações sobre moradia aqui. Ele vai conversar com o empresário para saber o que tinha para passar para ele. Não foi algo confirmando. Sei que ele brincou em uma live, ou se era verdade que viria para cá (risos). Seria uma baita ajuda. Vocês já conhecem. Iniciou aqui. Atleta de excelência, qualidade, drible, força e velocidade. Desejo sempre o melhor para ele. Se não for agora, quem sabe mais para frente”, contou.

Leandro, Paysandu e Ceará chegaram a um acordo, mas Papão recuou e pediu para cearenses segurarem o jogador para a Série C
Leandro, Paysandu e Ceará chegaram a um acordo, mas Papão recuou e pediu para cearenses segurarem o jogador para a Série C | (Foto: Paysandu)

Preparação Física

“Estava em atividade, fazendo trabalhos com meu personal trainer lá em Fortaleza. Já estava visando chegar em uma situação melhor, fisicamente. Cada vez mais temos que manter a parte física durante as férias. Foi bom, pois foi de uma maneira que pude aproveitar a família. Temos aí a pré-temporada e vamos aproveitar toda a estrutura do clube, esses momentos juntos para crescermos nessa parte física e tudo o que se pede para o atleta”, explicou.

Sócio Torcedor:

“É importante o clube ter o plano de sócio para que o torcedor possa demonstrar todo o carinho pela instituição. É algo que o clube vai conseguir se programar, planejar, pois é um dinheiro ativo. Nesses momentos, os mais difíceis, é onde você precisa do carinho, do amor e do carinho de quem está contigo. O torcedor é o maior patrimônio e pode chegar junto, fazer valer a força da Fiel com milhões de torcedores espalhados pelo Brasil. Sendo sócio, você faz a diferença. É primordial, junto com o trabalho de marketing, para poder alavancar o Paysandu”, ressaltou.

Jogador falou sobre a importância do Sócio Torcedor para o clube.
Jogador falou sobre a importância do Sócio Torcedor para o clube. | (Foto: John Wesley/Paysandu)
 


Conteúdo Relacionado

4 Comentário(s)
    Exibir mais comentários
    MAISACESSADAS