plus

Edição do dia

Leia a edição completa grátis
Previsão do Tempo 25°
cotação atual R$


home
CLUBE DO REMO

Catalá adota discurso de calmaria após goleada contra Canaã

Mesmo com o placar elástico treinador do Clube do Remo diz que o time ainda está longe do que podem ser

Imagem ilustrativa da notícia Catalá adota discurso de calmaria após goleada contra Canaã camera Treinador azulino mantém discurso de humildade após goleada | Foto: Samara Miranda / Remo

A expressiva vitória do Clube do Remo sobre o Canaã, por 5 a 0, concretizada, neste domingo (21), pode ter empolgado até o mais pessimista dos torcedores do time azulino, mas não teve o mesmo efeito sobre o técnico Ricarto Catalá, que diz ainda está bem longe do que podem ser.

“Acho que a gente fez um jogo seguro, consistente pensando em que período estamos da temporada, para alguns atletas hoje, acho que a décima quarta, décima quinta sessão de treino, então obviamente estamos bem longe ainda de ser aquilo que podemos ser, mas tô muito feliz, eles transformaram aquilo que poderia ser alguma dificuldade em uma situação positiva, mesmo no segundo tempo quando optamos por fazer algumas trocas e sabíamos que o nível de intensidade iria baixar, em função do calor, de ser a primeira partida da temporada, não sofremos. Nosso goleiro fez nenhuma defesa, acho que fizemos um jogo bem equilibrado, espero que possamos continuar evoluindo, independente dos resultados, eles são importantes, mas mais do que isso o que vai sustentar, são os resultados, sobretudo, no decorrer do ano, então o foco é esse” declarou Ricardo.

CONTEÚDOS RELACIONADOS

No segundo tempo o treinador fez algumas mexidas e as opções foram alguns garotos da base. Questionado sobre a pouca criação, após as substituições o comandante azulino foi certeiro.

“Não sei se o time perdeu criação, acho que tivemos a possibilidade de criar mais oportunidades, mas no penúltimo passe não tomamos boas decisões, tivemos duas ou três bolas com os meninos mais novos, que eram bolas para ir para um lado, eles acabaram indo para o outro. Era uma bola para ir para frente, escolheram fazer um passe para o lado ou para trás. E aí assim, a gente é cobrado para tudo. Somos cobrados para vencer, para dar oportunidade para a base e aí quando a gente dá eles são criticados. Então assim, precisamos botar eles nos jogos, eles precisam ter essa experiência de errar e acertar, o horário e o momento de fazer é agora. Pois se ficar esperando o brasileiro para fazer, não vamos fazer, então temos que ir dando oportunidade para eles, independente de saber que em algum momento pode diminuir a qualidade da equipe, mas que a gente possa formar eles, a formação passa pelo processo final que é colocar na arena e ver o cara dando a resposta. No geral o contesto foi positivo, mesmo quando faltou um pouquinho de inspiração, sobrou transpiração, quando sobra transpiração, a gente não ofereceu nenhuma possibilidade ao adversário, criamos a falta do último gol com um menino da base, então tem muita coisa positiva para tirar do jogo de hoje” afirmou.

De acordo com Ricardo Catalá, pensar que vencer jogos de 5 a 0 é utopia, pois diz que é algo fora da realidade. Mesmo trabalhando por resultados o técnico diz não querer se apegar ao resultado desta partida.

VEM SEGUIR OS CANAIS DO DOL!

Seja sempre o primeiro a ficar bem informado, entre no nosso canal de notícias no WhatsApp e Telegram. Para mais informações sobre os canais do WhatsApp e seguir outros canais do DOL. Acesse: dol.com.br/n/828815.

tags

Quer receber mais notícias como essa?

Cadastre seu email e comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Conteúdo Relacionado

0 Comentário(s)

plus

Mais em Esporte Pará

Leia mais notícias de Esporte Pará. Clique aqui!

Últimas Notícias