plus
plus

Edição do dia

Leia a edição completa grátis
Edição do Dia
Previsão do Tempo 32°
cotação atual R$


home
EM DESVANTAGEM

Clube do Remo e a receita para a virada no Re-Pa

Por mais que o Clube do Remo tenha se recuperado de um período apático, quando era conduzido por Ricardo Catalá, ainda sim, a virada é possível.

twitter Google News
Imagem ilustrativa da notícia Clube do Remo e a receita para a virada no Re-Pa camera Gustavo Morínigo deu uma nova cara ao Clube do Remo, mas ainda falta mais. | Samara Miranda/Clube do Remo

Anunciado dia 4 de março, desde que assumiu o Clube do Remo o técnico Gustavo Morínigo mal teve tempo para treinar a equipe. Ainda assim, ele conseguiu dar outra cara ao time azulino, de apático ele voltou a ser competitivo.

Mas, claro, dentro de um limite de um elenco em que boa parte dos reforços ainda não engrenou. Mesmo com todas as dificuldades, de o Remo ter jogado no máximo e ter feito apenas um gol em três clássicos, ser desclassificado da Copa Verde e ter uma missão difícil na decisão do Parazão, ele garante não jogar a toalha e que vê forças em seus comandados para uma “remontada”.

“Temos que entender que estamos com capacidade de enfrentar qualquer time e já demonstramos isso. Mas não se pode desperdiçar momentos. Não terminamos fechando as jogadas. Seguimos cometendo erros que podem ser evitados. Temos coisas boas, mas ainda temos muita coisa para melhorar. Com o decorrer do tempo vamos fazer”, comentou Morínigo logo após o terceiro Re-Pa seguido, na última quarta-feira, lamentando as chances desperdiçadas pelo Remo ou os erros nos últimos passes que poderiam virar grandes oportunidades.

Quer mais notícias do Clube do Remo? acesse o nosso canal no WhatsApp

Fazer o Remo dar esse passo adiante nos clássicos têm sido um problema, sem conseguir fazer gols, sendo que tem que pelo menos fazer dois neste domingo.

A última vez em que o Leão derrotou o Papão por três gols de diferença foi no dia 3 de abril de 2022, na primeira partida da final do Parazão daquele ano. O atacante Brenner (duas vezes) e o volante Anderson Uchôa marcaram para o Leão, no resultado que valeu o título, já que na partida seguinte a equipe bicolor venceu por 3 a 1.

Gustavo Morínigo vê sua equipe crescendo de produção, mas sabe que é preciso mais do que foi apresentado até aqui.

“Há evolução e sobretudo compromisso por todas as coisas. Para mim, as coisas estão no caminho certo, mas não vai ser da noite para o dia”, disse o comandante, dando a receita para a virada. “Temos que estar unidos, porque esse é o momento que mais temos que estar, que mais temos que trabalhar, acreditar e estar juntos para disputar uma final. Seguramente será o clássico do ano e queremos ganhar”, completou o treinador paraguaio.

VEM SEGUIR OS CANAIS DO DOL!

Seja sempre o primeiro a ficar bem informado, entre no nosso canal de notícias no WhatsApp e Telegram. Para mais informações sobre os canais do WhatsApp e seguir outros canais do DOL. Acesse: dol.com.br/n/828815.

tags

Quer receber mais notícias como essa?

Cadastre seu email e comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Conteúdo Relacionado

0 Comentário(s)

plus

    Mais em Esporte Pará

    Leia mais notícias de Esporte Pará. Clique aqui!

    Últimas Notícias