Esporte / Esporte Pará
Esporte Pará

Futebol de 7 ganha curso em Belém

sexta-feira, 16/06/2017, 07:33 - Atualizado em 16/06/2017, 16:00 - Autor:


A modalidade esportiva de futebol 7, ou futebol society, como também é conhecida, segue dando grandes passos na direção da profissionalização no Estado. À vista disso, a Federação Paraense de Futebol 7 (FPAF7), promove de hoje até sábado (17), no Sesi da Almirante Barroso, o curso de oficiais em arbitragem para a categoria, com o objetivo de fortalecer, primeiramente, a gestão e as regras do esporte.


Desse modo, buscando elevar a modalidade na região, os cursos, que serão ofertados em estágios teóricos e práticos, contarão com a presença do mestre e professor Antônio Aldinei Dias, fundador e precursor da modalidade no país. “O esporte, por ser uma vertente nova, requer, antes de planejamento das competições, uma atenção especial voltada para as regras, princípios e normas de jogo, até para mostrar a seriedade da modalidade. sendo assim, nada mais motivacional do que ter o professor Aldinei, idealizador do esporte no Brasil, para repassar esses ensinamentos”, descreveu o presidente da Federação Paraense da categoria, Gustavo Bento.


Filiada à Confederação Brasileira de Futebol 7, a federação estadual busca alavancar o esporte de forma profissional, para atender a grande demanda de competições que são realizadas no Pará, principalmente por ser um dos Estados que mais promove torneios. “Hoje em dia, esse é um dos esportes que mais cresce no país. Se você reparar, apenas em Belém, estão sendo criadas diversas arenas, e isso demonstra o interesse pelo esporte. E a federação entra nesse meio, com o único intuito de profissionalizar a categoria, e se tornar um esporte de alto rendimento”, destacou Gustavo. 


O futebol 7 é uma adequação do futebol tradicional, onde a disputa é realizada em arenas com gramas sintéticas ou natural, em campos com dimensões menores. Contando com 7 jogadores em cada equipe, foi o que gerou a denominação da modalidade.


(Matheus Miranda/Diário do Pará)

Conteúdo Relacionado

4 Comentário(s)
    Exibir mais comentários
    MAISACESSADAS