Notícias / Mundo-Notícias
CRENÇA RELIGIOSA

Indianos usam esterco de vaca contra a Covid-19

Os praticantes do banho com estrume acreditam que isso fortalece o sistema imunológico contra a doença

terça-feira, 11/05/2021, 18:17 - Atualizado em 11/05/2021, 18:17 - Autor: Redação


Médicos alertam para riscos à saúde de método religioso
Médicos alertam para riscos à saúde de método religioso | Reprodução

O aumento assustador de casos de infecção por Covid-19 na Índia, que tem levado a milhares de morte por dia no país asiático, tem sido acompanhada por tentativas desesperadas, e nada científicas, da população indiana para conter a pandemia. 

O método mais extremo, e que ganhou destaque nos noticiários mundiais, é o uso de estrume bovino pelo corpo para tentar se proteger contra a Covid-19. As pessoas têm ido a currais, ao menos uma vez por semana, para se banhar com o esterco e urina de vaca. 

Após a repercussão do método, médicos passaram a alertar a população sobre a ineficácia da prática. Além de não combater a Covid-19, passar estrume pelo corpo pode trazer riscos à saúde, como o contágio de outras doenças.

O método, sem embasamento científico, é reforçado por crenças religiosas indianas: como a vaca é sagrada no hinduísmo, muitas pessoas do país passaram a acreditar que usar o estrume do animal pode trazer proteção para o corpo.

Conteúdo Relacionado

4 Comentário(s)
    Exibir mais comentários
    MAISACESSADAS