Diário Online
Edição do dia
Edição do dia
Leia a edição completa grátis
Previsão do Tempo
29°
cotação atual R$
INVESTIGAÇÃO

Covid-19: idoso toma 90 doses da vacina e é investigado

O idoso foi descoberto depois de se apresentar num posto de vacinação para tomar a vacina dois dias seguidos.

terça-feira, 05/04/2022, 17:30 - Atualizado em 05/04/2022, 17:30 - Autor: Com informações Istoé

Google News

A vacinação se tornou obrigatória para ter acesso a vários estabelecimentos.
A vacinação se tornou obrigatória para ter acesso a vários estabelecimentos. | Reprodução

Desde o início das campanhas de vacinação, muitas foram as histórias de pessoas se negando a vacinar e outras furando a fila para tomar o imunizante primeiro.

Para conter os avanços da pandemia, o governo garantiu as doses de vacina contra o coronavírus necessárias para proteger a população. Confrontados com a opção, muitos foram os cidadãos que optaram por não ser vacinados e, por isso, a União Europeia criou um certificado de vacinação que permitia, aos vacinados, acesso a espaços públicos, por exemplo, sem a necessidade de realizar um teste.

Na época, aqueles que queriam aproveitar os benefícios associados à vacinação, mas não queriam ser vacinados, procuraram opções falsificadas. Consciente deste problema, nos últimos meses, a polícia alemã tem conduzido uma investigação de combate à falsificação de documentos para obtenção de certificados de vacinação.

Agora, a investigação é de um homem de 60 anos que tomou 90 doses da vacina contra a Covid-19. O objetivo? Vender certificados falsos aos negacionistas.

De acordo com o relatório da polícia da Alemanha, o homem, que não teve o nome revelado, tomou 90 doses da vacina contra a Covid-19, em vários centros de vacinação no Estado da Saxônia, durante vários meses, para vender certificados originais. O alemão foi descoberto depois de se apresentar num posto de vacinação, em Eilenburg, para tomar a vacina dois dias seguidos.


Veja também;


Segundo a ABC News, a polícia encontrou vários cartões de vacinação em branco e iniciou um processo criminal contra ele por emissão não autorizada, bem como por falsificação de documentos. As 90 doses que o alemão tomou superam, de longe, as 12 doses que um homem de 85 anos tomou na Índia.

Embora o homem da Índia tenha alegado melhorias na sua saúde, o impacto de várias doses da vacina ainda não foi estudado cientificamente.

Conteúdo Relacionado

0 Comentário(s)
MAISACESSADAS