Diário Online
Notícias / Notícias Pará
"PEÇO DESCULPAS"

Radialista paraense acusado de fala racista se posiciona

O caso repercutiu nas redes sociais, causando revolta nos internautas.

sábado, 24/07/2021, 10:06 - Atualizado em 24/07/2021, 10:06 - Autor: Redação


Celsinho em protesto antiracista na partida em alusão a outro comentário feito por radialistas goianos ainda este mês contra o Goiás.
Celsinho em protesto antiracista na partida em alusão a outro comentário feito por radialistas goianos ainda este mês contra o Goiás. | Reprodução

Um comentário preconceituoso feito pelo radialista paraense, Cláudio Guimarães, da Rádio do Clube do Pará, na partida entre o Clube do Remo e o Londrina, na última sexta-feira (23), causou revolta nas redes sociais. O comunicador usou uma expressão racista ao cabelo do meia Celsinho, do Tubarão. 

Com a repercussão do caso, a direção da Rádio Clube do Pará repudiou a fala do narrador esportivo e confirmou o afastamento imediato do profissional de sua equipe esportiva

Neste sábado (24), o radialista falou sobre o caso e pediu desculpas pelos comentários infelizes feitos a respeito do jogador do Londrina. Cláudio afirmou estar arrependido pelas falas.

"Peço desculpas não só a ele, mas a sua família e todos aqueles que ofendi com meu comentário. Nessas poucas horas após o final do jogo, tenho tomado conhecimento de toda a dor que meu comentário causou e isso me envergonha.  Tomarei o episódio como lição para aprender profundamente sobre racismo e ter a consciência de que, como comunicador,  não posso ter este comportamento. Evoluir é fundamental.

O narrador ressaltou que ainda tem muito o que aprender sobre o assunto. "Também entendo que neste momento é importante arcar com todas as consequências da minha fala. Tenho quatro netos e desejo que eles vivam num mundo mais justo e igualitário, respeitando as diversidades.  Então, para isso, eu também preciso me reeducar. Mais uma vez, minhas sinceras desculpas", finaliza Guimarães.

Conteúdo Relacionado

4 Comentário(s)
    Exibir mais comentários
    MAISACESSADAS