Diário Online
Notícias / Notícias Pará
REFLEXOS

Flagra na greve: vans circulam com placas cobertas em Belém 

Veículos que suprem a falta da frota regular durante a greve dos rodoviários da Grande Belém cobram valores abusivos, desrespeitam leis de trânsito e trazem insegurança aos passageiros.

quarta-feira, 04/05/2022, 09:44 - Atualizado em 04/05/2022, 09:43 - Autor: Adams Mercês

Google News

Produção do DOL flagrou van com placa coberta circulando na avenida Almirante Barroso
Produção do DOL flagrou van com placa coberta circulando na avenida Almirante Barroso | Reprodução/DOL

Neste segundo dia da greve dos rodoviários de Belém, Ananindeua e Marituba, que cruzaram os braços após falta de acordo com a patronal sobre reajuste salarial e demissões em massa de cobradores, as vans e ônibus clandestinos continuam a operar rotas da frota regular e seguem com os mesmos problemas vistos durante toda a terça-feira (3): cobranças de tarifas abusivas, precariedade e desrespeito às leis de trânsito.

Greve dos rodoviários prossegue e afeta comércio

Paralisação segue e usuários penam nas paradas de ônibus

Vans são flagradas com placas cobertas, para evitar a aplicação de multas em radares instalados nas vias. Além disso, coletivos com idade avançada e em péssimo estado de conservação e a cobranças de tarifas abusivas, em valores que chegam a, até, 10 reais, também são reclamações dos passageiros que precisam utilizar do transporte para se deslocar.

 

Ônibus clandestinos em idade avançada circulam pela Grande Belém
Ônibus clandestinos em idade avançada circulam pela Grande Belém | Reprodução
  

Na manhã desta quarta-feira (4), parte da frota regular retornou às ruas, em cumprimento à determinação judicial expedida pelo Tribunal Regional do Trabalho da 8ª Região (TRT8), que decretou a quantidade mínima de 40% dos ônibus em circulação durante a vigência da greve.

 

Veículos clandestinos superlotados na manhã desta quarta (4)
Veículos clandestinos superlotados na manhã desta quarta (4) | Reprodução/Redes Sociais
  

Mas o sindicato dos rodoviários afirma que, mesmo orientando os motoristas e cobradores a cumprirem a decisão do TRT8, os mesmos estão insatisfeitos com a situação e não desejam voltar à trabalhar sem um acordo concreto com a patronal.

 

Vans aceitam até transferências por Pix

03/05/2022 foto: Celso Rodrigues/ Diário do Pará.
Vans aceitam até transferências por Pix 03/05/2022 foto: Celso Rodrigues/ Diário do Pará. | Celso Rodrigues/Diário do Pará
  

Poucos ônibus são vistos nas ruas e, em sua maioria, superlotados. Até o momento, não houve qualquer indício de que uma nova reunião entre sindicato e empresários possa acontecer, para que seja viabilizado o fim da greve e retorno total da frota regular.

Conteúdo Relacionado

4 Comentário(s)
    Exibir mais comentários
    MAISACESSADAS