Diário Online
Notícias / Notícias Pará
DOENÇAS DE PELE

Veja os cuidado com as doenças que são comuns no Verão

Nesse período de ida às praias e exposição excessiva ao calor e umidade, é importante manter algumas recomendações para evitar infecções e doenças. Saiba como se proteger e à sua família

quinta-feira, 04/08/2022, 09:58 - Atualizado em 04/08/2022, 09:58 - Autor: Cintia Magno / Diário do Pará

Google News

A médica Lorena Carvalho aponta diversas doenças que se pode pegar em uma ida à praia.
A médica Lorena Carvalho aponta diversas doenças que se pode pegar em uma ida à praia. | Divulgação

Para além da exposição ao sol, a ida à praia demanda outros cuidados para evitar doenças de pele. Nesse sentido, alguns cuidados são necessários para evitar infecções por fungos ou bactérias, como micoses e outras complicações de saúde que podem aparecer no pós-praia.

Entre os cuidados, está a necessidade de evitar o contato com a areia se tiver algum ferimento no corpo, não permanecer com roupas de banho úmidas por muito tempo e evitar banhos muito prolongados na água salgada.

Quando se trata do contato direto com a areia da praia, a médica dermatologista Lorena Carvalho aponta que existem algumas possíveis doenças que podem ocorrer, principalmente as infecciosas.

“Na areia, a gente pode encontrar vermes que são oriundos das fezes de cães e gatos contaminados. Esses vermes podem entrar na pele de um adulto ou de uma criança pelo contato simples, quando esse verme penetra na pele e pode ocorrer uma doença chamada bicho geográfico. É uma doença de pele que coça bastante”, exemplifica.

LEIA TAMBÉM:

99 Fm agita praias de Belém com programação especial

Defensoras do Brega e os Vingadores no Verão Rba 2022

“Outras coisas que podem acontecer, também pelo contato direto com a areia, é a contaminação de feridas já abertas. Por exemplo, a pessoa já tem um corte e aquela ferida se contamina pelo contato com a areia, que não deixa de ter todos os poluentes e bactérias que podem causar uma infecção. Infecções mais frequentes, por bactérias mais comuns, são piodermites, por exemplo, ou infecções menos frequentes como micobacterioses atípicas”.

Para evitar esses e outros problemas, a médica aponta algumas orientações e cuidados.

 

| Wesley Rabelo
  
Conteúdo Relacionado

4 Comentário(s)
    Exibir mais comentários
    MAISACESSADAS