Diário Online
Notícias / Polícia
VEJA O VÍDEO

Homem com uniforme da Rotam é preso após assalto em Belém

O homem foi abandonado pelo parceiro de crime quando feirantes se aglomeraram; ele foi preso por equipes da Polícia Militar que faziam ronda no local

segunda-feira, 22/11/2021, 23:09 - Atualizado em 22/11/2021, 23:09 - Autor: DOL


Homem foi preso e encaminhado para a Seccional da Marambaia
Homem foi preso e encaminhado para a Seccional da Marambaia | Reprodução/Vídeo

Raiva e indignação tomaram conta de pequenos comerciantes no Entroncamento, no bairro Castanheira. Próximo de encerrar mais um dia de trabalho exaustivo, a violência marcou presença com as ações de dois homens: um se encarregava de abordar os trabalhadores e o outro dava cobertura usando uma motocicleta.

“Deus me livrou”, desabafou uma vendedora que expôs o caso ao DOL na noite desta segunda-feira (22). A comerciante, que trabalha com hortifrutis no local há cerca de dois meses, disse que estava atendendo quando um dos assaltantes entrou em sua loja, mas saiu logo em seguida para concretizar o crime em um estabelecimento ao lado.

LEIA TAMBÉM:

+ Belém registra duas mortes no Tenoné nesta segunda (22)

+ Vídeo: calçada cede e pessoas caem durante festa de Natal

+ Militar preso por matar Édrica também era estelionatário

 

Uniforme da Rotam usado pelo acusado durante os assaltos
Uniforme da Rotam usado pelo acusado durante os assaltos | Dinan Laredo/RBA TV
 

“Lá ele ficou fazendo o assalto. Como os feirantes se aglomeraram, o comparsa na moto foi embora, deixando o outro que estava dentro da loja vizinha. Na saída, ele teve que ir correndo e deu de frente com a polícia”, relembrou.

O que chamou atenção foi que o homem, identificado como Luiz Antônio de Sousa, de 32 anos, usava um traje da Rotam quando cometeu os crimes. Em um vídeo enviado pela denunciante, duas equipes da Polícia Militar estão no local para prender o acusado. É possível observar a farda em sua totalidade: um capuz e um revólver de brinquedo foram apreendidos.

  

Sob xingamentos e gritos de fúria, Luiz é algemado pelos militares e encaminhado até uma das viaturas do 27º Batalhão da Polícia Militar (BPM), tendo sido posteriormente encaminhado até a 5ª Seccional Urbana da Marambaia.

Conteúdo Relacionado

4 Comentário(s)
    Exibir mais comentários
    MAISACESSADAS