Diário Online
Notícias / Serviço
IMUNIZAÇÃO

Vacinação contra Covid-19 segue intensa em Belém

Os nascidos em 1956 ou 1957, que tenham recebido a segunda dose até julho, devem comparecer aos postos hoje para tomar a dose de reforço

quarta-feira, 10/11/2021, 07:32 - Atualizado em 10/11/2021, 07:41 - Autor: Wesley Costa


Maria Damasi se imunizou com a dose de reforço.
Maria Damasi se imunizou com a dose de reforço. | Celso Rodrigues

A capital paraense continua avançando na vacinação contra a Covid-19. Esta semana, reta final da campanha “Belém Vacina”, é direcionada principalmente para os idosos que devem receber a aplicação da dose de reforço (3ª dose). Hoje, os nascidos em 1956 ou 1957, que tenham recebido a segunda dose até o mês de julho, são chamados aos 25 postos espalhados pela cidade para fazer oreforço da imunização.

Nesta quinta-feira (9), o DIÁRIO acompanhou mais um dia do calendário em alguns locais de vacinação, que registraram movimento intenso do público durante toda a manhã. Na sede do Cassazum, na avenida Duque de Caxias, a fila de espera se estendeu por vários metros distante do portão de entrada. Após receber a terceira dose, Maria Damasia disse que a alegria tomou conta dela.

“É uma mistura de sentimentos e muita felicidade por eu ter conseguido chegar até aqui. Em casa, todos foram vacinados também, então, a gente fica com o coração mais tranquilo. A fila do lado de fora é grande, mas é preciso ter ciência que a saúde vem em primeiro lugar e não podemos descuidar nunca. Agradeço a Deus pela saúde e agora é continuar os cuidados também até que todo esse cenário de pandemia mude”, disse.

No posto montado na Universidade da Amazônia (Unama), na travessa Alcindo Cacela, a fila de espera chegou a dobrar o quarteirão. No lado de dentro muitos idosos e acompanhantes também aguardavam pelo momento de vacinar. O militar aposentado, Pedro Souza, 67, chegou bem cedo ao local para tentar evitar a demora no atendimento.

 

Pedro Souza
Pedro Souza | Celso Rodrigues
 


“Agora me sinto bem mais confiante e protegido para votar a rotina. Cheguei logo cedo para garantir minha dose e já tinha bastante gente na fila, mas pela saúde tudo vale a pena. Hoje foi a terceira dose e se amanhã tiver uma quarta dose eu venho de novo. Com saúde não se brinca e temos também que fazer nossa parte nesse combate”, diz.

Serviço

Para se vacinar, o público chamado pode comparecer em qualquer um dos 25 pontos de imunização espalhados pela cidade, de 9h às 17h, portando os documentos de RG, CPF e cartão de vacinação de Belém. A Sesma lembra que, a partir do dia 15, as vacinas contra a Covid-19 estarão disponíveis nas mais de 50 salas de imunização que compõem a redemunicipal de saúde.

Conteúdo Relacionado

4 Comentário(s)
    Exibir mais comentários
    MAISACESSADAS