Diário Online
Edição do dia

Edição do dia

Leia a edição completa grátis

Previsão do Tempo
26°
cotação atual R$
CUIDADO!

Médicos alertam para posição sexual mais perigosa do mundo

Metade dos casos de traumas penianos acontecem quando o casal experimenta essa posição sexual

quinta-feira, 28/10/2021, 09:57 - Atualizado em 28/10/2021, 09:57 - Autor: Com informações do D24AM


Imagem ilustrativa da notícia Médicos alertam para posição sexual mais perigosa do mundo
| Reprodução

Em 2013, quando o Bonde das Maravilhas chocou o mundo ao mostrar o “quadradinho de oito”, uma posição extremamente perigosa para atos sexuais, que expõe os praticantes ao risco de sérios danos na coluna.

O cirurgião Karan Raj, que atua no Sistema Único de Saúde do Reino Unido, viralizou no TikTok com um vídeo em que destacava a posição sexual mais perigosa do mundo: a “cowgirl invertida”. Ele afirma que 50% dos casos de traumas penianos acontecem quando o casal experimenta essa posição.

@dr.karanr

Sun snu #learnontiktok #schoolwithdrkaran #womenshealth #menshealth

♬ Runaway by Kanye Piano - Henry Cantu

Um estudo sobre fraturas penianas, divulgado em maio deste ano pelo National Center for Biotechnology Information, dos Estados Unidos, afirma que 57,2% dos pacientes que já passaram por esse problema tiveram a fratura enquanto o pênis estava ereto, durante o ato sexual. E atenção: não é a única posição que pode levar o homem ao centro cirúrgico.

Pênis berinjela

Mas o que é a fratura do pênis? Como se trata de um órgão sem osso, o que acontece não é exatamente uma fratura e, sim, uma lesão na túnica albugínea. Essa pele cobre e protege todos os vasos sanguíneos da região que o permitem ficar ereto. Quando rompe, libera uma grande quantidade de sangue, deixando o pênis extremamente inchado e curvado para um dos lados. O resultado pode até ser chamado de pênis berinjela, devido a semelhança com o legume.

Vídeo: amigos percebem câmera segundos antes do sexo

Sem tempo? Confira as melhores posições para fazer sexo 'rapidinho'

O sexo consiste no vaivém que vai da cabeça à base do pênis. Qualquer movimento que se faça diferente disso pode gerar uma fratura”, explica Lilian Fiorelli, ginecologista especialista em Sexualidade Feminina e Uroginecologia pela USP. Posições onde não há o visual do parceiro, como estar de costas para ele durante a penetração, podem facilitar esse tipo de trauma devido ao fato da mulher não conseguir perceber se há um desconforto naquele ritmo.

Segundo a médica, algumas posições podem trazer mais riscos. Além da cowgirl invertida, fazer sexo em pé, por exemplo. O risco de fratura existe se a mulher, que estará com as pernas em torno do homem, cansar ou se o parceiro perder a força nos braços durante o vaivém.

Conteúdo Relacionado

0 Comentário(s)
MAISACESSADAS