Diário Online
ASSUSTADOR

Fantasma "Raimundinho" aterroriza escritório de advocacia

Funcionários contam que tudo começou quando sensores do escritório, no Paraná, captaram presença humana durante a madrugada dentro da empresa.

quarta-feira, 03/11/2021, 11:32 - Atualizado em 03/11/2021, 11:31 - Autor: Com iinformações do portal RIC Mais


Imagem ilustrativa da notícia: Fantasma "Raimundinho" aterroriza escritório de advocacia
| Reprodução

Não é muito difícil ouvir histórias de assombrações e fantasmas em prédios antigos ou outros imóveis. Às vezes, fala-se até mesmo de proprietários que, mesmo depois da morte, continuam vagando nos ambientes.

O advogado Lucas Santos, de 29 anos, viralizou nas redes sociais depois que compartilhou um fato sobrenatural que aconteceu no escritório onde trabalha. Segundo ele, tudo começou quando sensores do escritório captaram presença humana durante a madrugada dentro da empresa, porém curiosamente, as câmeras de segurança não mostram ninguém no local. As informações são do site Ric Mais.

De acordo com os relatos,  era por volta de 3h da manhã, quando o  sensor do escritório detectou presença humana na sala de reunião. Ao verificar as câmeras, foi constatado que não havia ninguém no local. Na mesma madrugada, uma advogada sonhou que alguém daqui ficava possuído. E ouvindo a história toda, outra pessoa passou mal e a pressão caiu.

“Nessa mesma madrugada, paralelamente, uma das colegas advogadas sonhou que alguém aqui ficava possuído, e justamente alguém que trabalha lá na sala de reuniões, onde ocorreu tudo”, contou o advogado.

Lucas conta ainda que na última semana, ele relatou que a luz começou a oscilar e apagava frequentemente. Outro fato estranho foi presenciado por outros colegas do escritório:

“Janelas fechadas e ar ligado, do nada, a cortina começou a mexer sozinha. E não é cortina de pano, é daquelas tipo de metal. Pesadas. E todos se olharam e perceberam que não tinha sido vento nem nada ”, afirmou.

É culpa do “Raimundinho”

O passado dos funcionários, porém, pode estar intimamente ligado aos acontecimentos. Isso porque, segundo Lucas, antes de ocuparem o escritório atual, a empresa funcionava em uma casa. Assim que chegou na sede anterior, ficou sabendo que o inquilino anterior havia se suicidado em um dos banheiros.

Foi por lá que se formaram os primeiros acontecimentos macabros: rangidos na escada , portas batendo sem vento. Os funcionários, no entanto, decidiram abordar tudo de uma maneira bem-humorada .

“Aí, apelidamos carinhosamente de Raimundinho. O fantasma camarada. A teoria é que Raimundinho pode ter ficado tão apegado com a gente que nos seguiu e veio pra cá agora ”, explicou.

Mesmo assim, Lucas afirma que os acontecimentos recentes estão assustados demais até os padrões de “Raimundinho”.

“Não preferência com nosso Raimundinho, porque lá não ficávamos com tanto medo. Aqui realmente arrepiou os cabelos de todo mundo ”, finalizou.

Conteúdo Relacionado

4 Comentário(s)
    Exibir mais comentários
    MAISACESSADAS