Diário Online
Dino
Dino

Segurança e eficiência são pontos chave nas operações aduaneiras

quinta-feira, 03/03/2022, 07:35 - Atualizado em 03/03/2022, 12:09 - Autor: DINO

Google News


A logística aduaneira brasileira segue em transformação. Um reflexo é o resultado da balança comercial do país, que fechou 2021 com saldo positivo de US$ 61 bilhões, o maior já registrado em um ano segundo a Secretaria de Comércio Exterior, do Ministério da Economia. O alto fluxo de importações e, principalmente, de exportações resultou nesse recorde.

Nesse processo, o planejamento aduaneiro tem um papel importante. Ele envolve muito mais do que o simples transporte logístico e a distribuição das mercadorias. E tem o objetivo de garantir operações com o menor custo e, ao mesmo tempo, com a alta eficiência e qualidade. Cada país segue sua legislação, sendo que impostos e regras alfandegárias são variáveis.

"O planejamento das operações é importante para que as empresas não tenham surpresas com trâmites nos procedimentos aduaneiros e custos operacionais não esperados", afirma o especialista em logística Luís Felipe Campos, que possui experiência no setor internacional principalmente no trade Europa-América Latina.

As operações aduaneiras podem também economizar tempo e evitar desperdício financeiro. Por isso, é importante que todas as declarações sejam feitas de forma correta nos sistemas governamentais. Dessa forma, a chance das operações acontecerem como planejado aumentam significativamente.

Os principais riscos que dificultam as operações aduaneiras podem compreender a falta de experiência ou atenção que do agente. "Documentações feitas com deficiência de informações, deficiência logística, fraude na documentação, identificação de itens proibitivos por lei, além de preocupação com saúde financeira de despachantes são as principais causas de problemas", explica Campos.

Estabelecer processos logísticos estratégicos capazes de viabilizar e monitorar a distribuição da cadeia como um todo é essencial para evitar contratempos e garantir o fluxo das exportações e importações, desde os chamados tratamentos administrativos, até as necessidades específicas para entrega e armazenamento da carga.

"Para ter a segurança e a garantia de realizar operações aduaneiras seguras, é preciso analisar todos os riscos desde o início das operações logísticas, como a pesagem da carga, condições de embalagem e documentação, até mesmo a data de chegada da mercadoria, evitando a chegadas em datas festivas e feriados", conclui Campos.



Website:

https://www.linkedin.com/in/luisfelipecamposlogistic/
Conteúdo Relacionado

4 Comentário(s)
    Exibir mais comentários
    MAISACESSADAS