Esporte / Esporte Pará
#PARTIU

Tchau, mundo: volante Elyeser, ex-Paysandu, jogará na Índia

Jogador revelou o desejo de voltar a vestir as cores do Papão e aguarda chegada de documento para assinar com clube da primeira divisão indiana.

quinta-feira, 15/07/2021, 23:17 - Atualizado em 15/07/2021, 23:59 - Autor: Kaio Rodrigues


Elyser marcou o gol que garantiu o Papão nas semifinais do Parazão.
Elyser marcou o gol que garantiu o Papão nas semifinais do Parazão. | John Wesley/Paysandu

Após rescindir o contrato com o Paysandu em junho, o volante Elyeser está de malas prontas para assinar com seu novo cluber. O ex-camisa 8 do Papão irá para o Churchill Brothers FC, que disputa o principal campeonato do país, a I-League. O jogador falou exclusivamente com a nossa reportagem e lamentou a saída precoce do Lobo.

"Meu projeto de carreira para 2021 era ajudar o Paysandu ir para a Série B, conquistar esse tão sonhado acesso e depois ir para o exterior, pois o clube já tinha batido na trave em algumas possibilidades antes. Infelizmente aconteceram coisas que não permitiram isso, mas Deus é quem sabe de todas as coisas", revelou.

Na história, a nova equipe do atleta de 31 anos já conquistou dois títulos da I-League, uma Taça Índia e três Taça da Liga Índia. Elyeser ainda não assinou contrato, mas está verbalmente acertado e espera a chegada do documento em São Paulo, onde reside atualmente. 

"Ficaram de mandar o contrato para eu assinar e parece que a competição deles começa em outubro. É um clube que tem estrutura, um bom estádio e foi o primeiro lugar na fase de classificação da Primeira Liga", contou.

Pelo Paysandu, ele foi campeão estadual e disputou 11 jogos com a camisa bicolor, marcando um gol, justamente o que levou o Esquadrão de Aço às semifinais do Campeonato Paraense, onde, posteriormente, veio a conquista do título da competição. Ele comentou sobre uma futura volta ao clube do coração e disse que deixou isso claro ao presidente Maurício Ettiger.

"Se um dia tiver a oportunidade, pode ter certeza que será um prazer. Inclusive, deixei isso bem claro para o presidente. O Paysandu é uma grande equipe e todo jogador sente-se honrado em defender essa camisa!", finalizou.  

Conteúdo Relacionado

4 Comentário(s)
    Exibir mais comentários
    MAISACESSADAS