Diário Online
Esporte / Esporte Pará
NA BRONCA!

Na bronca com time, ex-atacante do Remo cutuca camisa 10 

Em rede social, Jayme criticou postura dos torcedores com jogadores vindo de fora do estado, diz que falta "raça" aos jogadores do elenco atual do Leão, dentre os quais o meia Felipe Gedoz.

quinta-feira, 11/11/2021, 20:52 - Atualizado em 11/11/2021, 20:52 - Autor: Magno Fernandes

Google News

Atacante Jayme foi autor do gol que livrou o Remo de cair para a Série D em 2018.
Atacante Jayme foi autor do gol que livrou o Remo de cair para a Série D em 2018. | Divulgação/Remo

A Série B do Campeonato Brasileiro que vinha sendo considerada tranquila para o Clube do Remo, em função da campanha até então realizada com certa regularidade no desempenho da equipe em seus jogos, nas últimas 10 rodadas o clima de paz que pairava entre os torcedores, deu lugar a nervosismo, tensão e até mesmo ansiedade.

Remo se apresenta após nova derrota na Série B

Sem vencer nas últimas três rodadas e conquistado apenas sete pontos em trinta disputados, o torcedor azulino viu o rendimento do Leão simplesmente despencar em campo, resultando inclusive no desligamento de Felipe Conceição no comando técnico da equipe. Se antes, o Remo chegou a sonhar até em acesso, por ter alcançado o sétimo lugar, hoje ele luta para não ser rebaixado.

Em uma publicação divulgada nas redes sociais, através do perfil "Chaves Remista", o atacante Jayme - relevado nas categorias de base do Leão - comentou a postagem em que aparece sua imagem atuando em um dos jogos na temporada de 2018. De acordo com o ex-jogador azulino, nessa época os jogadores demonstravam mais vontade em campo.

"Podia faltar tudo, menos raça. Jogava com vontade e amor à camisa. Enquanto tem torcedor que idolatra quem vem de fora e fazem até PIX, mas no final quem segura a onda sempre são os da casa. Boa sorte, Leão", disse Jaime, fazendo alusão ao meia Felipe Gedoz e também a própria torcida do Remo que - segundo ele - prefere mais enaltecer os jogadores vindos de fora, do que os considerados "pratas de casa".

 

| Reprodução/Instagram
 

De acordo com o site especializado em estatísticas no futebol, Chance de Gol, o Filho da Glória e do Triunfo tem 9,3% de probabilidade de queda para a Série C de 2022. No entanto, com 41 pontos conquistados, o time precisa vencer apenas de mais uma vitória e talvez também um empate, para alcançar a margem necessária para se livrar de vez no risco de descenso. 

Conteúdo Relacionado

4 Comentário(s)
    Exibir mais comentários
    MAISACESSADAS