Esporte / Mundo
ACOMPANHE AQUI

Grande Prêmio da Grã-Bretanha: novo formato na disputa

Grande Prêmio de Fórmula 1 terá uma novidade para deixar a disputa mais atrativas as sextas-feiras

segunda-feira, 12/07/2021, 13:46 - Atualizado em 12/07/2021, 13:46 - Autor: Com informações UOL


GP da Grã-Bretanha de Fórmula 1 terá largada às 11h do domingo/
GP da Grã-Bretanha de Fórmula 1 terá largada às 11h do domingo/ | Divulgação/F1

O próximo final de semana promete fortes emoções e novidades nas pistas. O Grande Prêmio da Grã-Bretanha. Os amantes de velocidade irão conhecer um novo formato que se repetirá nas próximas competições. O Diário Online e a RBATV/Band transmitem ao vivo o Grande Prêmio da Grã-Bretanha.

Fórmula 1: casos de Covid-19 aumentam e GP é cancelado

A F1 vai testar um novo formato de disputa no GP da Grã-Bretanha, que será realizado. No sábado (17), o grid de largada será definido por uma corrida mais curta, com um terço da duração da prova de domingo, valendo pontos para o campeonato. O grid desta corrida curta, que ganhou o nome oficial de "sprint", será definido na sexta-feira.

O novo formato vai se repetir no GP da Itália, em setembro, e em outra prova fora da Europa, possivelmente no Brasil.

A novidade é, na verdade, uma tentativa de tornar as sextas-feiras mais atrativas, já que hoje só são realizadas duas sessões de treinos livres no primeiro dia de atividades, ao mesmo tempo em que a Fórmula 1 estuda a possibilidade de diminuir a duração de suas corridas, uma vez que há a avaliação de que o público mais jovem preferiria GPs mais curtos. É também uma tentativa de adicionar mais uma variável para tornar as corridas mais interessantes.

"Aquela corrida de duas voltas que acabamos tendo em Baku foi um dos melhores momentos da temporada até aqui", lembrou o diretor técnico da Fórmula 1, Ross Brawn. "Isso não será tão intenso, mas carrega a mesma ideia de pilotar com o pé embaixo, sem estratégia, sem pit stops, em um pouco mais de meia hora de ação", completou.

Não que todo mundo concorde. Lewis Hamilton acredita que a corrida do sábado será "um trem", já que os pilotos não vão querer arriscar. "Tomara que tenhamos ultrapassagens, mas não acho que será muito emocionante".

Se a novidade for bem recebida, a ideia não é mudar todo o campeonato no futuro, e sim escolher algumas pistas em que as ultrapassagens são mais comuns para que elas adotem esse formato. Afinal, o calendário da Fórmula 1 vem se expandindo cada vez mais, e a avaliação é de que ter um formato apenas pode ser monótono. 

Veja como vai ficar a disputa:

Classificação da sexta-feira: Após apenas uma sessão de treinos livres de 1h de duração (geralmente, são realizadas três sessões de 1h cada), os pilotos vão disputar a sessão de classificação tradicional, dividida em três partes (Q1, Q2 e Q3). Essa sessão, que começa às 14h pelo horário de Brasília, vai definir o grid de largada para a classificação sprint do sábado.

Sprint do sábado: Com o grid definido pela sessão da sexta-feira, o sprint terá 100km, o que significa 17 voltas em Silverstone, com largada às 12h30. Não há troca de pneus obrigatória, e os pilotos podem escolher com qual composto largam. O resultado do sprint vai definir o grid de largada para o GP da Grã-Bretanha. Os três primeiros ganharão pontos (3 para o primeiro, 2 para o segundo e 1 para o terceiro). Não haverá cerimônia de pódio, mas o vencedor ganhará um troféu.

Corrida do domingo: Com o grid definido pelo sprint, o GP da Grã-Bretanha tem largada às 11h e terá 52 voltas, como de praxe, e a pontuação é a mesma das outras provas (de 25 pontos para o vencedor até 1 ponto para o décimo colocado, com um ponto extra dado a quem fizer a volta mais rápida contando que o piloto termine dentro do top 10). Há a obrigatoriedade de usar pelo menos dois compostos de pneus diferentes, então a corrida terá pit stops.

VEJA MAIS: 

Italianos lotam as ruas após título da Eurocopa

Vídeo: Italianos festejam titulo com cerveja no vestiário




Conteúdo Relacionado

4 Comentário(s)
    Exibir mais comentários
    MAISACESSADAS