Notícias / Notícias Brasil
E AGORA?

Bolsonaro veta garantia de internet à rede pública de ensino

"A medida dificulta o cumprimento da meta fiscal", foi a justificativa do presidente ao vetar integralmente texto aprovado pelo Congresso.

sexta-feira, 19/03/2021, 10:15 - Atualizado em 19/03/2021, 10:15 - Autor: Com informações do Metrópole


Jovens vivem batalhar para estudar online. há mais de um ano
Jovens vivem batalhar para estudar online. há mais de um ano | Divulgação/Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações

O projeto de lei que garantia acesso gratuito à internet por alunos e professores da rede pública de ensino foi vetado pelo presidente Jair Bolsonaro (sem partido). Caso fosse aceito, o projeto também beneficiaria estudantes de escolas em comunidades quilombolas e indígenas.

A Câmara aprovou a matéria em dezembro de 2020 e o Senado enviou à sanção presidencial em fevereiro.

Ao todo, R$ 3,5 bilhões seriam repassados pela União aos estados e ao Distrito Federal para que os gestores locais adotassem as medidas necessárias, como previa o texto. Os valores incluiriam a compra de planos de internet móvel e de tablets para professores e alunos.

Conteúdo Relacionado

4 Comentário(s)
    Exibir mais comentários
    MAISACESSADAS