Diário Online
Notícias / Notícias Brasil
SUA SAÚDE

Evite o AVC com esses sete hábitos; confira!

Cientistas recomendam práticas cotidianas que contribuem para diminuir os riscos de um AVC, inclusive para pessoas com tendência genética para o problema.

sábado, 23/07/2022, 14:19 - Atualizado em 23/07/2022, 16:31 - Autor: Com informações do Metrópoles

Google News

Cientistas apontam comportamentos que reduzem risco de AVC.
Cientistas apontam comportamentos que reduzem risco de AVC. | Reprodução

Um acidente vascular cerebral, muitas vezes também chamado de "derrame cerebral", ocorre quando o fluxo sanguíneo para ou dentro do cérebro é interrompido por um vaso sanguíneo bloqueado (é o tipo de avc isquêmico mais comum) ou quando ocorre o rompimento de um vaso sanguíneo (avc hemorrágico), que representa menos de 15% dos casos.

Como resultado de uma ampla pesquisa realizada nos Estados Unidos, cientistas apontam os hábitos saudáveis que têm maior influência na prevenção de um AVC. Por aproximadamente 28 anos, o estudo acompanhou 11.568 adultos, com idades entre 45 e 64 anos.

LEIA TAMBÉM:

Varíola dos macacos se torna "emergência de saúde global"

Saiba o que fazer se for atacado por um escorpião

Os dados sobre a saúde dos participantes, obtidos ao longo desse período, revelaram sete comportamentos que conseguiram reduzir em até 43% os riscos, derrubando as chances desse problema ocorrer.

“Nosso estudo confirma que mudar fatores de risco relacionados ao estilo de vida, como controlar a pressão sanguínea, pode superar o fator genético de ter AVC”, disse a professora Myriam Fornage, principal autora do artigo, em entrevista ao jornal britânico Daily Mail.

Conheça os sete hábitos indicados para evitar um AVC:

1. Manter uma dieta balanceada

Uma alimentação saudável é importante para o quadro geral de saúde de qualquer pessoa, mas é especialmente relevante para reduzir os riscos de um AVC, uma vez que o excesso de peso está relacionado a doenças como a diabetes e a hipertensão, que são fatores de risco. Portanto, manter o peso e o índice de massa corporal adequados são essenciais para evitar o problema.

2. Praticar exercícios com regularidade

Para diminuir os riscos de AVC, a prática regular de exercícios físicos também desempenha um papel vital. Assim como ocorre na prevenção de outros problemas de saúde, como diabetes e ansiedade, as atividades físicas podem ser variadas, incluindo aeróbicas, esportes coletivos ou musculação.

3. Não fumar

Como já é de conhecimento público, os fumantes possuem um risco duas vezes maior de desenvolver um quadro de AVC quando comparados com pessoas que nunca fumaram na vida. A estimativa é de que cerca de 20% dos casos de AVC estão relacionados ao tabagismo.

4. Manter o peso adequado

Conforme já mencinado, o excesso de peso está intimamente ligado a doenças como a diabetes e a hipertensão, que são fatores de risco para o AVC. Por esse motivo, os médicos consideram essencial manter o peso e o índice de massa corporal adequados para evitar esse mal.

5. Controlar a pressão arterial

Evitar um quadro crônico de pressão alta é importante para reduzir os riscos de AVC porque a hipertensão ataca os vasos sanguíneos e pode comprometer o funcionamento de vários órgãos, como coração, cérebro e rins. 

6. Monitorar o colesterol

É importante evitar alimentos ricos em LDL - conhecido como colesterol ruim - já que ele provoca o acúmulo de placas de gordura nas artérias e dificulta o fluxo sanguíneo, o que ocasiona o AVC.

7. Reduzir os níveis de açúcar no sangue

Monitorar os níveis de açúcar no sangue é essencial na prevenção do AVC e de doenças, uma vez que a hiperglicemia pode acontecer quando a quantidade de insulina no organismo é insuficiente, ou ser consequência de problemas como sedentarismo, obesidade e alimentação rica em doces e carboidratos.

Conteúdo Relacionado

4 Comentário(s)
    Exibir mais comentários
    MAISACESSADAS