Diário Online
FIQUE EM ALERTA

Conheça os 4 sinais de que você está sendo traída

Escritor dá dicas para reconhecer que está sofrendo uma traição.

terça-feira, 08/06/2021, 13:05 - Atualizado em 08/06/2021, 13:04 - Autor: Com informações do Ig


Escritor aponta quatro sinais para ficar atento e reconhecer que o teu parceiro está te passando a perna.
Escritor aponta quatro sinais para ficar atento e reconhecer que o teu parceiro está te passando a perna. | Divulgação

Será que dá mesmo para descobrir quando estamos sendo traídos? Em que sinais ficar atentos? Como saber se a confiança está sendo respeitada ou não pelo parceiro? As informações são do iG.

O escritor Marcos Bulhões afirma que a traição é um dos problemas mais antigos da humanidade, mas que há algumas dicas para ficar atento e reconhecer que o teu parceiro está te passando a perna. Confira:

Instinto

Segundo o escritor, as mulheres têm um forte instinto, uma "sensibilidade aflorada, por isso acredito que mulher não cisma com a mulher errada”. Mas, ele ressalta que é importante separar o instituto da insegurança.

Bulhões explica que o ciúme não tem qualquer valor moral para a relação além do desgaste e que o sinal de alerta deve soar se você observar algumas atitudes  no seu parceiro, ou sejas, aquelas mesmas que ele teve para conquistar você.

Para o escritor, “os olhos não mentem, e perder o contato visual e a intimidade é um forte indício de que o amor não é cego, mas foi cegado".

Ele/ela esconde você

Sem uma justificativa plausível, ele ou ela não apresenta você aos amigos, não posta fotos de vocês juntos e se apresenta como solteiro ou solteira nas redes sociais. Bulhões é enfático quanto a isso: “quando o outro se apresenta como solteiro é porque está em busca de outras pessoas, mesmo que inconscientemente, ou já tem alguém”.

Falta de intimidade

Se seu parceiro ou parceira passou a ter menos gestos de carinho, como abraços e beijos, ou tem parado de compartilhar intimidades e conversas mais profundas, o escritor destaca que pode ser que ele ou ela esteja fazendo isso com outra pessoa.

Ameaças constantes de rompimento

Se na primeira briguinha o outro já dispara que quer terminar, "é porque ele ou ela não sentirá qualquer abalo sem você". O escritor enfatiza que o "término não deve ser uma ameaça, muito menos um projeto, término é desistência, e a gente não desiste do que ama, a gente desiste do que dói”.

Se após ler isso você desconfiar ou tiver certeza que está sofrendo uma traição, Bulhões não usa meias palavras: apenas se fortaleça, entenda a situação e termine.

Conteúdo Relacionado

4 Comentário(s)
    Exibir mais comentários
    MAISACESSADAS