Diário Online
Notícias / Espiritualidade
FÉ E PAZ

Seicho-No-Ie aposta em diversidade, inclusão e afeto

A "religião filosofica" está prestes a completar 100 anos de existência e prega que toda religião é Luz para a salvação das pessoas e para a paz mundial

terça-feira, 02/08/2022, 11:50 - Atualizado em 02/08/2022, 11:50 - Autor: Seicho-No-Ie

Google News

A sede da Seicho-No-Ie, em Belém, fica na Avenida Genralíssimo Deodoro, bairro de Nazaré.
A sede da Seicho-No-Ie, em Belém, fica na Avenida Genralíssimo Deodoro, bairro de Nazaré. | Reprodução/Internet

Em tempos em que a humanidade tem a depressão como o mal do século, muito se ouve falar também na importância de se trabalhar a espiritualidade como forma de melhorar a saúde mental e lidar com adversidades do dia a dia. Para quem segue uma religião, de fato, se distanciar de Deus parece que a vida acaba por colocar homens e mulheres e situações adversas - como se fosse uma provação para eles reafirmarem a fé.

Pará vence no STF: cobrança da Taxa Minerária é mantida

Prestes a completar 100 anos de existência, a Seicho-No-Ie ultrapassa doutrinas religiosas ao defender que toda religião é Luz para a salvação. Trata-se uma filosofia de vida que visa o bem-estar e a felicidade das pessoas, além de se buscar a paz mundial.

 

Seminários ajudam a divulgar a filosofia de vida Seicho-No-Ie
Seminários ajudam a divulgar a filosofia de vida Seicho-No-Ie | Reprodução/Internet
 

Na página da instituição, Seicho-No-Ie é definida como "um ensinamento de amor, uma extensa porta de misericórdia aberta a qualquer pessoa que queira estudar as leis que regem as manifestações e a essência perfeita do homem, como filho de Deus".

Belém: Tapetes Contadores de Histórias com sessões gratuitas

O movimento foi fundado no Japão, em 1930, por Masaharu Taniguchi (1893-1985), no Japão. Hoje está presente em 30 países, inclusive o Brasil que concentra uma das maiores colônias de migrantes japoneses do mundo. Em Belém, uma sede da organização está localizada na Avenida Generalíssimo Deodoro.

 

A sede da Seicho-No-Ie, em Belém, fica na Avenida Genralíssimo Deodoro, bairro de Nazaré.
A sede da Seicho-No-Ie, em Belém, fica na Avenida Genralíssimo Deodoro, bairro de Nazaré. | Reprodução/Internet
 

Uma das principais formas de divulgação da Seicho-No-Ie são os seminários que apresentam os fundamentos e escritos de Taniguchi. As leituras ajudam na cura, conquista da harmonia familiar e outras soluções, pois ajudam homens e mulheres a encontrar a própria essência como criação de Deus.

Símbolos

A Seicho-No-Ie possui dois emblemas, ou logomarcas, oficiais. O primeiro surgiu ainda na década de 1930 e traz os símbolos de três grandes religiões do mundo, o cristianismo, o budismo e o xintoísmo, significando a unicidade da essência dos ensinamentos religiosos que contém uma única Verdade. Esse é o significado que encerra esse símbolo.

 

Sede da Seicho-No-Ie em Benevides
Sede da Seicho-No-Ie em Benevides | Reprodução/Internet
 

O segundo emblema foi escolhido em 1995, por meio de um concurso. A peça destaca a Seicho-No-Ie como um movimento concreto que visa à Paz Mundial.

Conteúdo Relacionado

4 Comentário(s)
    Exibir mais comentários
    MAISACESSADAS