Diário Online
Notícias / Mundo-Notícias
PROPAGAÇÃO

Covid-19: Bélgica detecta 1º caso da variante ômicron

Nova variante do novo coronavírus foi classificada pela OMS como "preocupante" dada a sua alta taxa de transmissão e facilidade em "burlar" o sistema imunológico.

sexta-feira, 26/11/2021, 20:49 - Atualizado em 26/11/2021, 20:49 - Autor: Com informações da Folhapress


A variante foi identificada, primeiramente, na África do Sul
A variante foi identificada, primeiramente, na África do Sul | Freepik/tawatchai07

Mais uma variante do novo coronavírus pode estar a um passo de representar uma grande ameaça, mais uma vez, a população. A “ômicron”, detectada na África do Sul e classificada pela Organização Mundial da Saúde (OMS) como “variante preocupante”, começa a tomar forma pelo mundo.

Nesta sexta-feira (26), o governo da Bélgica anunciou o primeiro caso na Europa da nova variante. A pessoa infectada não estava vacinada contra o novo coronavírus e viajou ao exterior. "Temos um caso confirmado da variante. Trata-se de alguém que veio do exterior e testou positivo em 22 de novembro e não estava vacinado", afirmou o ministro da Saúde belga, Frank Vandenbroucke.

+ "O Brasil não aguenta mais um lockdown", diz Bolsonaro

O virologista belga Mark Van Ranst escreveu no Twitter que a pessoa, que não havia sido infectada pelo vírus até agora, voltou do Egito em 11 de novembro. "Temos que repetir que é uma variante suspeita, não sabemos se é uma variante muito perigosa", disse Vandenbroucke, apesar de ter mencionado que alguns países europeus estão fechando as portas para viajantes procedentes de vários Estados do sul da África por "precaução".

Carregando consigo uma alta taxa de transmissão entre indivíduos infectados, a variante “ômicron” (B.1.1.529) está sendo conhecida pela facilidade em “driblar” o sistema imunológico do indivíduo, resultado de seus variados números de mutações.

Conteúdo Relacionado

4 Comentário(s)
    Exibir mais comentários
    MAISACESSADAS