Notícias / Notícias Pará
VEJA O VÍDEO!

Bar respeita lotação, mas usuários não usam máscaras

Lotação e medidas sanitárias precisam ser cumpridas em combate à proliferação da Covid-19.

segunda-feira, 26/04/2021, 11:27 - Atualizado em 26/04/2021, 11:34 - Autor: Com informações da Ag Pará


O bar foi fechado no feriado, mas depois se adequou às normas.
O bar foi fechado no feriado, mas depois se adequou às normas. | Reprodução

Muitas pessoas aproveitam o final de semana para curtir em bares e restaurantes, mas devido à Covid-19, a rotina social foi alterada. A necessidade de cumprir regras e horário é para que o número de casos da doença não cresça.

Mesmo com horários definidos, é possível curtir os locais com mais segurança, ao não permanecer em ambientes lotados, usar máscaras e álcool em gel sempre que necessário, e claro sempre mantendo a higiene necessária. Contudo, é preciso que todos colaborem.

Quando um estabelecimento se adequa, o empresário respeita não apenas seus clientes, mas também todo o setor que luta para se manter. Assim, é necessário denunciar e não frequentar lugares que não respeitem as medidas estabelecidas em decreto e pela Organização Mundial de Saúde (OMS).


OPERAÇÃO

Por este motivo a Operação State Care, coordenada pela Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social do Estado (Segup), está nas ruas para coibir empreendimentos que descumpram as medidas restritivas do decreto estadual 0800/2020.

Um bar localizado no bairro de Nazaré, por exemplo, foi alvo da operação no último domingo (25) após recebimento de super lotação o que não foi confirmado, entretanto, foi constatado a existência de muitas pessoas sem uso de máscaras.

O estabelecimento cumpria as medidas sanitárias necessárias se não fosse este detalhe.

ASSISTA!

Mas no sábado (24), sete estabelecimentos comerciais foram fechados.

“A operação State Care que fiscaliza o cumprimento do decreto, em especial, quanto ao funcionamento de bares e restaurantes, no período da noite verificou, durante esse final de semana, vários estabelecimentos que funcionavam descumprindo com as regra do decreto. Alguns foram fechados, outros intimados e procedimentos policiais foram gerados, em virtude da reincidência de alguns locais que já foram notificados, anteriormente por desobedecerem as medidas do decreto. Muitos destes, já foram orientados, fechados, multados e ainda assim insistem em funcionar permitindo a aglomeração de pessoas” disse o secretário de Segurança Pública, Ualame Machado.

State Care

Desde o início das fiscalizações do decreto governamental 800/2020, em 21 de janeiro até a madrugada deste domingo (25), por meio da operação State Care já foram fiscalizados 6.871 estabelecimentos comerciais no Estado, destes 1.112 foram intimados, 1.051 fechados, 475 advertidos e 11 multados. Foram registradas ainda, 1.898 infrações, sendo 1.235 de Pessoa Física e 150 de Pessoa Jurídica.

Conteúdo Relacionado

4 Comentário(s)
    Exibir mais comentários
    MAISACESSADAS