Diário Online
Notícias / Notícias Pará
NOVA VERSÃO?

Caso Yasmin: médico pede para prestar novo depoimento

O médico legista Euler Cunha já depôs oficialmente para prestar esclarecimentos à Polícia Civil, mas não está satisfeito com depoimentos de outras pessoas intimadas para a investigação.

quarta-feira, 12/01/2022, 18:47 - Atualizado em 12/01/2022, 18:47 - Autor: DOL


Médico legista, Euler Cunha estava com Yasmin na lancha.
Médico legista, Euler Cunha estava com Yasmin na lancha. | Reprodução/Redes sociais

Um mês após da trágica morte da jovem Yasmin Macedo durante um passeio de lancha com amigos em uma marina particular, no Furo Maguary, no bairro do Tenoné, em Belém, o caso ainda segue investigado e a cada ddia novos detalhes são revelados sobre o que, de fato, ocorreu. Ainda intriga a informação de amigos que afirmam que a jovem não ingeria bebida alcoólica e sabia nadar,.

Do início das investigações até o momento, o caso ganhou novos capítulos. Novos depoimentos ainda estão sendo colhidos pela Policia Civil que busca montar o quebra-cabeça do ocorrido na noite do dia 12 de dezembro. O corpo da jovem foi encontrado no início da tarde do dia seguinte, no Distrito de Icoaraci, próximo a uma marina particular. 

Essa semana, o médico legista, Euler Cunha pode ser novamente ouvido pela Polícia Civil. Segundo informações, ele não estaria satisfeito com as declarações dadas pelos outros passageiros da lancha durante os novos depoimentos prestados na Divisão de Homicídios da Policia Civil. 

O terceiro depoimento do médico  está marcado para acontecer na manhã desta quinta-feira (13), na Divisão de Homicídios. 


Conteúdo Relacionado

4 Comentário(s)
    Exibir mais comentários
    MAISACESSADAS