Diário Online
Notícias / Notícias Pará
UM SOL PRA CADA!

Calor infernal deve continuar até outubro na Grande Belém

Segundo o Inmet, os termômetros da capital poderão registrar até 35ºC ao longo dos próximos cinco dias. Nas redes sociais, belenenses usam o bom humor para comentar a situação que só deve amenizar um pouco a partir do próximo domingo (31).

segunda-feira, 25/07/2022, 22:40 - Atualizado em 25/07/2022, 22:58 - Autor: Sales Coimbra/DOL

Google News

População faz o que pode para se refrescar no calorzão de Belém
População faz o que pode para se refrescar no calorzão de Belém | Diário do Pará

Um aviso para quem pensa que, com o final do mês de julho se aproximando, o calorão típico do "verão amazônico" também vai desaparecer: os próximos dias serão escaldantes em toda a Grande Belém. O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) alerta para as altas temperaturas durante toda esta semana e ao longo dos próximos meses. Por isso, para quem não estiver nas praias, rios ou igarapés, uma piscina ou até mesmo um banho de mangueira podem ser os melhores aliados.

De acordo com o meteorologista Sidney Abreu, do escritório do Inmet em Belém, o calor extremo não vai dar trégua pelo menos até o final do mês de outubro. As temperaturas elevadas, observa o estudioso do clima, já são mais do que esperadas para essa época do ano.

LEIA TAMBÉM:

Balneários na Grande Belém viram opção para quem não viajou

Dicas: férias saudáveis começam na alimentação e hidratação

"Essas altas temperaturas estão acontecendo porque estamos vivendo o nosso chamado 'verão amazônico'. Durante esse período do ano, o céu sobre a região se apresenta com pouca ou nenhuma nebulosidade, fazendo com que a radiação solar chegue até a superfície praticamente sem nenhuma absorção por parte da atmosfera, ou seja, sem 'nenhum filtro', aquecendo a superfície ao longo do dia, e fazendo com que as temperaturas atinjam valores próximos dos 35ºC", explicou Abreu.

Neste período, alerta o meteorologista, há também grande chance da ocorrência de pancadas de chuvas, especialmente nos finais de tarde e à noite. Um resultado direto do popularmente conhecido "mormaço" de Belém.

"A sensação de calor, ou seja, a sensação térmica pode ser de até maior do que os 35ºC devido aos altos índices de umidade relativa do ar que ocorrem na Amazônia. E é essa umidade, aliada às altas temperaturas, que proporciona a formação das nuvens cumulus nimbus no decorrer do dia, provocando aquelas pancadas de chuva fortes e isoladas, que também são típicas do período", pontuou.

Previsão do tempo

Ao longo desta semana, segundo os dados coletados pelo Inmet, os termômetros de Belém e demais municípios da Região Metropolitana devem registrar temperaturas superiores a 34ºC em praticamente todos os dias, podendo chegar próximo ou até superar os 35ºC.

O clima só deve ficar um pouco mais ameno a partir do próximo domingo (31), quando as temperaturas máximas devem girar em torno dos 28ºC e 29ºC. No entanto, a tendência é que da quarta-feira em diante as altas temperaturas voltem a ser constantes e continuarão a aumentar nas primeiras semanas de agosto.

Para se ter uma ideia, no último domingo, o Inmet registrou a máxima de 35,5ºC, em Belém. Já nesta segunda-feira (25), segue com muito sol e aumento de nuvens ao longo do dia. Pancadas de chuva são esperadas à tarde e à noite. As chances de chuva são de 83%. A temperatura mínima, que foi registrada pouco antes do amanhecer foi de 24ºC e a máxima registrada entre o final da manhã e início da tarde foi de 33ºC.

Para esta terça-feira (26), a situação não melhora muito. A temperatura mínima prevista é de 24ºC e a máxima de 34ºC, cenário. Na quarta (27) e quinta-feira (28), o cenário permanece o mesmo. Já na sexta-feira (29) e o sábado (30), a mínima deve cair apenas um grau para 23ºC, com a máxima voltando a bater nos 34ºC.

Reclamações e piadas nas redes sociais

Além da temperatura elevada, a sensação térmica de calor é ainda mais alta e alguns moradores da capital têm até uma impressão de que o "tempo" está "abafado". 

E para enfrentar tanto calor e umidade, só mesmo com muito bom humor. Por isso, a situação gerou muitos comentários nas redes sociais e o "calor infernal de Belém" se transformou em piada na web.

"Cheguei em Belém. E a vontade é de andar pelado. Que calor, minha gente!", exclamou o internauta Leandro Barbosa, em uma postagem no Twitter. Em um dos comentários da mesma publicação, o perfil "eu não sei falar ventanês" mandou o recado que todo belenense já sabe desde criancinha: "Aguarda que mais tarde tem chuva pra piorar o calor...". 

Confira abaixo alguns comentários postados por belenenses no Twitter:

 

| (Imagem: Reprodução do Twitter)
  

| (Imagem: Reprodução do Twitter)
  

 

| (Imagem: Reprodução do Twitter)
 


| (Imagem: Reprodução do Twitter)
  

 

| (Imagem: Reprodução do Twitter)
 
Conteúdo Relacionado

4 Comentário(s)
    Exibir mais comentários
    MAISACESSADAS